HISTORY estreia a nova temporada de Sozinhos


 

O experimento de sobrevivência mais audacioso da TV viaja à Patagônia Argentina, onde 10 competidores lutam pela vida e pelo prêmio de 500 mil dólares

 

 

ESTREIA DA NOVA TEMPORADA:

Episódio duplo especial
20/4, quinta-feira, 22h40

 

 

A audaciosa série de sobrevivência sem roteiro Sozinhos chega com uma nova edição à tela do HISTORY, a partir do dia 20 de abril. Nela, um grupo de dez competidores sozinhos na selva luta com uma única missão: permanecer no desafio o maior tempo possível. Nesta nova temporada, a série se passa na América do Sul, na extensa região da Patagônia, na Argentina. Sem equipes de câmeras, sem truques, sem nenhum tipo de ajuda, este grupo de participantes tentará a todo custo obter o premio de 500 mil dólares.

Equipados de maneira limitada, carregando somente o que entra numa mochila e com câmeras próprias para documentar suas viagens, esses valentes homens e mulheres estão completamente separados uns dos outros, em terrenos difíceis e implacáveis. Para sobreviver, deverão encontrar água e comida, construir refúgios e se defender dos predadores. Durante sua experiência, enfrentarão o isolamento extremo, a angústia psicológica e as traiçoeiras condições ambientais à medida que adentram no desconhecido.

PARTICIPANTES 
ZACHARY FOWLER
Fowler nasceu e cresceu em Vermont, vivendo aventuras ao ar livre com seus pais. Depois que terminou o colegial, ele aprendeu a construir barcos no Maine e descobriu que tinha aptidão para isso, prosseguindo nessa carreira. Aos 21 anos, ele se mudou permanentemente para a costa do Maine e comprou um terreno acidentado e arborizado de pouco mais de um hectare. Nessa época, ele passava os dias fazendo barcos e se divertindo no ambiente selvagem. Depois que conheceu sua mulher, Jamie, os dois desenvolveram um estilo de vida autossuficiente, vivendo em um Yurt (tipo de cabana utilizada por nômades da Ásia Central) feito a mão. Ao lado das filhas Abigail e Sparrow, eles se mantêm fieis ao sonho da autossuficiência.  
 
 
 
 
DAN WOWAK
O amor de Dan pela vida ao ar livre começou ainda na infância, quando seu avô o levava para caminhadas e pescarias na área rural da Pensilvânia, nos Estados Unidos. Essa paixão continuou a crescer, resultando em inúmeros dias de caçadas, armadilhas, acampamentos e qualquer outra atividade que permitisse que ele passasse mais tempo no mato. Depois de se formar e concluir seu mestrado, Dan começou a se dedicar a competições com obstáculos e provas de resistência de 24 horas.  Esses desafios físicos e mentais começaram a se fundir com sua paixão pelo ar livre, fazendo com que ele mergulhasse no mundo das provas de sobrevivência, encontrando a verdadeira paixão de sua vida. Ele agora divide essa paixão com seu filho Jax e a mulher Brooke, do mesmo modo que seu avô um dia dividiu com ele.
 
 
 
GREG OVENS 
Greg é um autodidata em técnicas de sobrevivência. Desde criança vem lendo praticamente todos os livros sobre o assunto. Ele acendeu fogo com fricção de arco pela primeira vez aos 13 anos e passou os 40 anos seguintes aprendendo sobrevivência e estudando plantas e comestíveis. Ele até mesmo desenvolveu algumas de suas próprias técnicas de sobrevivência. Quando suas duas filhas nasceram, Greg compartilhou com elas seu amor pela natureza. Eles passam quase todo o tempo juntos na mata, colhendo frutas e acampando.
 
 
 
 
 
 
ZACHARY GAULT
Zach cresceu em Caledon, Ontario, com uma paixão intrínseca pelo ar livre. Aos cinco anos começou a aperfeiçoar suas habilidades na arte da sobrevivência na vida selvagem. Depois de passar um tempo incalculável se sujando de terra, ele desenvolveu a habilidade e a confiança necessárias para mergulhar de cabeça em situações desconfortáveis. Zachary acredita que passar por essas provações apenas aprimoram suas habilidades naturais.  Aos 18 anos, passou longos períodos vivendo sozinho na natureza selvagem, no coração da floresta boreal do norte de Ontario. Ele construiu vários abrigos primitivos, vivendo neles por períodos prolongados, tirando sua subsistência da terra. Zachary acredita que quando se afasta dos confortos do mundo moderno, desenvolve uma conexão profunda com a terra. Virou seu estilo de vida.
 
 
 
 
MEGAN HANACEK 
Megan é uma habitante da floresta profissional e bióloga, que atua na Columbia Britânica, no Canadá. Ela foi criada em uma pequena cidade costeira nos limites da floresta de Great Bear. Lá, desenvolveu seu amor pelo ar livre, após longas excursões de acampamento, pescaria, mergulho e fotografia com seu pai, que também é biólogo. As habilidades de sobrevivência de Megan foram desenvolvidas ao longo de 20 anos de trabalho de biologia na floresta, com direito a inúmeros contatos diretos com predadores, como pumas e ursos. Ela é uma treinadora profissional de fitness, pescadora ávida, maratonista e participante de corridas de aventuras. Mora em Vancouver e diz que seu maior sucesso é sua família, que inclui o marido e dois filhos.
 
 
 
 
BRITT AHART 
Britt nasceu e cresceu nos subúrbios da Virginia, mas sempre teve um forte desejo de estar na natureza. Anos de escotismo, além de muitos acampamentos e trilhas, ajudaram a impulsionar sua paixão pela vida ao ar livre. Depois de 30 anos na Virginia, ele se mudou para as áreas rurais e florestais de Ohio. Lá, constituiu família e se concentrou nos estudos de sobrevivência e modo de vida primitivo. Atualmente ele gosta de passar seu tempo desenvolvendo mais habilidades, enquanto transmite seu conhecimento para o filho de seis anos, Campbell, que já começa a expressar seu amor pela vida selvagem.
 
 
 
 
 
DAVE NESSIA 
Dave se deu conta de seu amor pelas atividades ao ar livre aos oito anos, quando aprendeu sobre plantas comestíveis e como fazer fogo enquanto acampava. Aos 32 anos, ficou obcecado em aprender e ensinar técnicas de sobrevivência e se tornou um Instrutor de Sobrevivência no Deserto na Boulder Outdoor Survival School (BOSS). Durante seu período na BOSS, morou em locais como uma caverna, duas tendas, uma pit-house (espécie de abrigo cavado no solo), um abrigo de rochas e uma cabana Yurt cazaque. Para aprimorar suas habilidades, ele se aventurou em caminhadas sem utilizar nenhum equipamento moderno. Em uma de suas viagens mais memoráveis, passou 44 dias de inverno vivendo em uma pit house, com temperaturas alcançando na marca dos -14°C. Hoje em dia, ele continua a ensinar técnicas de sobrevivência, vivendo de um modo que lhe traz satisfação.
 
 
 
JIM SHIELDS 
Jim cresceu nos subúrbios de Bucks County, Pensilvânia, nos Estados Unidos. Durante seus anos de faculdade, ele gostava de alpinismo, montanhismo e viagens de aventuras. Ele também passou longos períodos trabalhando como guia profissional no Colorado e no Alasca. Em 2003, fundou um Adventure Club em sua escola em Horsham, Pensilvânia, onde planejava viagens guiadas ao Maui, Alasca, Columbia Britânica, Oregon, Washington, Colorado, Utah, Costa Rica e Turcomenistão.
Nos últimos 13 anos, ele tem trabalhado como professor do ensino médio. Durante oitos desses anos, ele vem ministrando um curso de sobrevivência e montanhismo, além de administrar um programa de liderança em sua escola. Jim também possui um certificado de técnico em emergências médicas em lugares selvagens. Ele vive com sua mulher Jennifer e dois cães, Gizmo e Ouray.
 
 
 
CALLIE BLUE 

Callie nasceu e foi criada na pequena ilha de Salish Sea, Canadá, onde frequentou escolas alternativas e teve a oportunidade de ir atrás de suas paixões e viajar o mundo quando ainda era muito jovem. Depois de se formar no ensino médio, seu espírito independente e aventureiro a levou a inúmeras jornadas ao redor do globo. Ela teve grandes experiências, como morar um ano na Austrália, ter se tornado mestre em mergulho na Tailândia, desbravar as selvas do Maui, trabalhar em uma ilha remota na costa da Irlanda, escalar montanhas na Guatemala, acampar na Noruega e fazer o Caminho de Santiago, na Espanha. Após migrar de volta para seu lar em uma ilha no Estado de Washington, nos Estados Unidos, ela se mudou para um pequeno chalé sem eletricidade ou água encanada. Cercada por uma paisagem vibrante e coberta de musgo, ela aprendeu a viver perto da natureza, enquanto busca exercer sua criatividade como cantora e compositora. Callie também aproveitou seu conhecimento profundo e amor pelas plantas medicinais para abrir seu primeiro negócio, um boticário de ervas. Para ela, viver na Patagônia selvagem é uma grande dádiva e espera se aprofundar emocionalmente e espiritualmente, além de encarar os desafios com bom humor e força de vontade.

CARLEIGH FAIRCHILD 

Nascida e criada em Ohio, Carleigh passou sua adolescência frequentando acampamentos de verão e tendo aulas de sobrevivência. Desde o início, ela tomou gosto por fazer fogo, construir abrigos, tirar a pele de animais e tecer cestas. Foi por meio dessas habilidades que ela desenvolveu uma conexão espiritual com a terra. Aos 18 anos. se mudou para o estado de Washington para frequentar a Earthwalk Northwest Wilderness School, com o objetivo de estudar técnicas de modo de vida primitivo e etnobotânica. Atualmente vive em uma comunidade remota de 50 pessoas no Alasca com seu namorado, com quem e sonha em construir uma cabana e viajar o mundo. Na comunidade, ela desenvolve vários trabalhos, como jardinagem, paisagismo, armação de telhados, molduraria e carpintaria, além de fazer parte do conselho da cidade. No decorrer de sua vida, ela desenvolveu um amor pela aventura, o que permitiu que ela mergulhasse no autoconhecimento. Ela é grata a seus pais por apoiarem seu estilo de vida independente e está ansiosa para testar suas habilidades na Patagônia neste ano. 

--
Line-UP - Divulgação de Programação e Distribuição de Canais de TV.
http://www.lineup.net.br
http://blog.lineup.net.br
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos