ANATEL: Conselheiro defende ampliação da rede de alta capacidade


O conselheiro da Anatel, Igor de Freitas, participou nesta terça-feira (27.06) de audiência pública na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) do Senado Federal para debater a política nacional de banda larga. Ele fez um diagnóstico setor, destacando que 2.221 municípios do país contam com fibra, mas apresentam baixa velocidade de acesso, em média 5 Mbps , sendo as velocidades mais baixas nas regiões Norte e Nordeste. Para ele, é fundamental a ampliação da rede de transporte de alta capacidade. 

Igor de Freitas falou sobre o acordo de cooperação técnica entre a Anatel e o IPEA para identificar a relação entre a ampliação do acesso à infraestrutura de banda larga em regiões carentes e a melhoria dos indicadores econômicos e sociais.  O presidente do Grupo Telefonica no Brasil, Eduardo Navarro, também citou o estudo do IPEA. Ele destacou alguns problemas enfrentados no país, onde apenas 369 municípios têm oferta com velocidade média maior do que 10 Mbps. Ele também disse que  o Brasil tem a maior carga tributária do mundo nesse setor que é de 44%. 

Para o advogado do Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), Rafael Zanatta, as desigualdades de acesso são profundas, existem no país 30 milhões de domicílios sem Internet. Segundo ele nas classes C e D as pessoas estão conectadas pela internet móvel apenas e que o maior gargalo é o custo elevado.  O diretor de Relações Institucionais da  Claro Brasil, Fabio Andrade, destacou a necessidade de uso estratégico dos Fundos Setoriais, a exemplo do FUST. Também reclamou da alta carga tributária, "para cada R$ 100 de serviços são pagos R$ 43 de tributos". Ele também defendeu a franquia e afirmou que é usada no mundo inteiro inclusive na Europa e Estados Unidos. 

O diretor do Departamento de Banda Larga do Ministério da Ciência, Tecnologia, inovações e Comunicações, Artur Coimbra, disse que com o Programa Nacional de Banda Larga, instituído em 2010, permitiu que 39,3 milhões de domicílios contassem com acesso a internet em 2015 e que a quantidade de provedores passou de 782 em 2010 para 2.303 em 2016. 

Participaram ainda da audiência pública o diretor de Assuntos Governamentais da Cisco Systems do Brasil, Giuseppe Marrara, e o secretário de Educação do estado da Bahia, Walter Pinheiro.

--
Line-UP - Divulgação de Programação e Distribuição de Canais de TV.
http://www.lineup.net.br
http://blog.lineup.net.br
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

INVESTIGADOR PARTICULAR FAMOSO POR SUAS ARTIMANHAS, BRIAN WOLFE RECONSTITUI CASOS DE SEU ARQUIVO EM SÉRIE INÉDITA

BIS estreia terceira temporada de "Versões" em 19 de julho