COM TECNOLOGIA INOVADORA DE PRODUÇÃO, "PLANETA TERRA II" LEVA O ESPECTADOR PARA DENTRO DO MUNDO NATURAL

 
 
 
Inédita no Brasil, série tem narração do jornalista Ricardo Boechat
 
 

Cena do primeiro episódio que retrata as ilhas 

 

Clique aqui para assistir a promo e baixar mais imagens

 

Vencedora de quatro prêmios Emmy, Planeta Terra (2006) redefiniu em sua época a filmografia de história natural ao introduzir novas técnicas e registrar a riqueza da vida selvagem de maneira tão completa quanto emocionante.

Uma década depois, o Discovery traz aos seus assinantes a nova superprodução PLANETA TERRA II (Planet Earth II), com estreia no domingo, 6 de agosto, às 21h30, e narração em português do jornalista Ricardo Boechat. A série terá reexibição toda quinta-feira seguinte às 19h50. Desta vez, a série expande as possibilidades do conteúdo televisivo ao revelar as particularidades da fauna nos mais variados ecossistemas a partir da perspectiva dos próprios animais e em imagens gravadas inteiramente em UHD (ultra-alta definição).

"É um orgulho trazer de forma inédita para o Brasil um conteúdo desta dimensão, que leva os documentários de natureza a outro patamar, especialmente com a narração do Ricardo Boechat, que traz à série ainda mais emoção e um sabor local. É a oportunidade de lançar um olhar às curiosidades e maravilhas do mundo a partir da janela da nossa casa, diz Monica Pimentel, VP de Conteúdo da Discovery Networks Brasil.

Utilizando a mais avançada tecnologia para registro audiovisual, a série percorre o mundo em seis episódios de uma hora de duração. Entre os destinos está o cerrado brasileiro, onde as lentes acompanham a vida do tamanduá-bandeira. Drones e equipamentos de estabilização das imagens desenvolvidos especialmente para a produção chegaram a áreas inexploradas e registraram o esplendor de paisagens preservadas, rincões onde as espécies seguem seu percurso evolutivo e travam batalhas pela sobrevivência. A cada semana, um desses biomas será o tema da série, cuja produção levou anos de trabalho intenso.

Além dos avanços tecnológicos, as recentes pesquisas sobre habitats e espécies trouxeram novas possibilidades para o registro das maravilhas do planeta sob uma perspectiva definida a partir do ponto de vista dos próprios animais. Comportamentos e localidades nunca antes registrados enchem a tela em imagens que acompanham o ciclo da vida. Assim, PLANETA TERRA IIfaz com que os espectadores descubram o mundo natural como se estivessem imersos nas cenas e participem de momentos de ternura, emoção e adrenalina.

Dos insetos aos mamíferos, das aves às criaturas das profundezas do mar, dos polos às florestas tropicais, a série desvenda o mundo selvagem e, em seu último episódio, lança um olhar sobre a adaptação das espécies aos crescentes espaços urbanos. PLANETA TERRA II rompe barreiras e atualiza o gênero, enquanto oferece uma constante lembrança sobre a necessidade de preservação ambiental, criando uma jornada emocionante e engrandecedora.

PLANETA TERRA II foi produzida pela Unidade de História Natural da BBC. A trilha sonora foi desenvolvida por Hans Zimmer, vencedor do Oscar em 1994 com as músicas do filme "O Rei Leão", e combina-se às imagens para formar um espetáculo multissensorial sobre a vida selvagem. A série é uma coprodução entre BBC, BBC America, ZDF e France Télévisions.

A seguir, as descrições dos seis episódios.

Episódio 1 – Ilhas

As ilhas remotas são santuários para algumas das criaturas mais exóticas e raras do planeta, entre elas a preguiça-de-três-dedos – esse animal pacato vive em uma ilha do Caribe, enquanto o albatroz choca seus ovos e prospera em uma área livre de predadores. Mas habitar a ilha tem seu custo. Em Galápagos, a jovem iguana marinha deve escapar de serpentes velozes e vorazes, em uma corrida eletrizante. Na ilha subantártica de Zavodovski, a vida é ainda mais extrema: todos os dias, um milhão e meio de pinguins correm o risco de serem lançados contra as rochas pelas ondas.


Episódio 2 – Montanhas

As grandes cadeias de montanhas são algumas das paisagens mais espetaculares do planeta, mas também são locais de clima implacável. Apenas alguns animais possuem as adaptações necessárias para viver em altitudes extremas. As espécies  de montanha estão entre as mais ariscas, e este episódio proporciona acesso a uma perspectiva única e inédita sobre suas vidas. As câmeras flagram o momento em que quatro leopardos de neve se unem quando uma mãe e um filhote ficam presos entre dois machos rivais. Ursos-cinzentos "dançam" em volta das árvores para removerem a pelagem de inverno e as águias-douradas caçam entre os picos nevados da Europa.


Episódio 3 – Selvas

As selvas são os habitats mais ricos do planeta; nesses mundos misteriosos a competição é a regra e os animais exóticos tentam sobreviver. As florestas inundadas são o lar para felinos que caçam jacarés, enquanto rãs lutam contra os ataques de vespas e dragões voadores se embrenham por entre as árvores. Os acrobáticos indri, um tipo de lêmure que habita as florestas de Madagascar, fazem suas evoluções na floresta e a noite na selva esconde estranhos fungos e criaturas bioluminescentes jamais filmadas.


Episódio 4 – Desertos

Os desertos são terrenos inóspitos que forçam os animais a criarem maneiras engenhosas de lidar com condições hostis, dando origem às histórias de sobrevivência mais incríveis da Terra. Um grupo de leões do deserto está com tanta fome que se arrisca a caçar uma girafa, enquanto uma ave voa por mais 190 quilômetros para chegar à fonte de água mais próxima e arrisca tudo para levar água para seus filhotes. Filmado pela primeira vez, um pequeno morcego luta com um dos escorpiões mais mortíferos do mundo e, em Madagascar, uma nuvem de gafanhotos de proporções bíblicas.


Episódio 5 – Pradarias

As pradarias cobrem um quarto de toda a Terra e são palcos vastos para alguns dos maiores encontros da vida selvagem, mas os animais que as habitam devem suportar as mudanças sazonais mais hostis do planeta. Da bizarra antílope-saiga da Ásia aos gigantes tamanduás do Brasil, os animais das pradarias se adaptaram de maneira extraordinária para enfrentar esses extremos. No Okavango inundado, os leões investem contra um búfalo em uma batalha épica; na savana, os pássaros abelheiros utilizam os elefantes como ajuda na caça e, na tundra congelante, as renas embarcam em grandes migrações acompanhadas de perto por lobos famintos.

Episódio 6 – Cidades

As cidades estão crescendo em ritmo mais veloz do que qualquer outro habitatna Terra. Por mais que pareçam ser um local improvável para os animais, mas elas podem representar um mundo de grandes oportunidades. Os leopardos rondam as ruas de Mumbai, os falcões caçam entre os arranha-céus de Nova York e um milhão de estorninhos realizam espetáculos aéreos sobre Roma. Em Jodhpur, os macacos langur são reverenciados como entidades sagradas e, em Harar, os moradores vivem em harmonia com as hienas selvagens. Muitos animais, no entanto, lutam para lidar com a selva urbana. Como arquitetos desse ambiente, os humanos poderiam construir cidades que sejam lares tanto para as pessoas quanto para os animais selvagens?

Ricardo Boechat narrando a série (Foto: Cauê Moreno)

 

SERVIÇO

PLANETA TERRA II (Planet Earth II)

Estreia: Domingo, 6 de agosto, às 21h30

Classificação indicativa: Livre




--
Line-UP - Divulgação de Programação e Distribuição de Canais de TV.
http://www.lineup.net.br
http://blog.lineup.net.br
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos