TV Cultura alerta para risco de pandemia com o documentário Mosquito: Uma Ameaça no Ar


Produzida pelo Discovery, a atração traz entrevistas com profissionais da saúde e vai ao ar nesta sexta-feira (21/7), às 22h30

 

São Paulo, 21 de julho de 2017 – Nesta sexta-feira (21/7), às 22h30, a TV Cultura exibe o documentário Mosquito: Uma Ameaça no Ar, obra que busca chamar atenção para a crise de saúde pública causada por esses pequenos insetos, os principais agentes causadores de mortes na história moderna.

Uma produção do Canal Discovery, o documentário lança um olhar oportuno e detalhado sobre essas criaturas tão imperceptíveis quanto perigosas, que protagonizam mudanças imprevisíveis e sem precedentes. A versão brasileira ganhou a narração do médico infectologista Dr. Jean Carlo Gorinchteyn, do hospital Emílio Ribas, em São Paulo, enquanto o original, em inglês, traz o ator Jeremy Renner ("The Town", "The Hurt Locker") como voz principal. O filme documenta a crescente ameaça global que esse pequeno animal representa e as implicações letais que podem surgir se não houver um esforço de combate coordenado e mundial.

Com imagens captadas em quatro continentes, Mosquito: Uma Ameaça no Ar entrelaça entrevistas com especialistas a depoimentos de homens, mulheres e crianças que convivem com os riscos de transmissão de doenças apresentados pelos insetos.

Entre os entrevistados estão alguns dos principais especialistas no assunto, incluindo Bill Gates, fundador da Microsoft e copresidente da Fundação Bill & Melinda Gates, e o ex-diretor do Centers for Disease Control and Prevention (CDC), unidade americana de controle e prevenção de doenças, Dr. Thomas Frieden. Gates salienta que os recursos necessários para combater o que pode vir a ser um surto pandêmico devem ser prioridade internacional para a área da saúde.

Em todo o mundo, os mosquitos matam mais de 750 mil pessoas por ano, muitas delas crianças. Alterações ambientais drásticas, como as mudanças climáticas e a facilidade de deslocamentos internacionais de pessoas e bens, aumentaram a ameaça que os mosquitos representam, já que aceleram sua propagação. O Brasil está presente no especial como um dos países que está à frente do combate às doenças causadas pelo inseto.

Os primeiros casos de zika vírus em humanos saíram da África rumo à Malásia, em 1967. O vírus teve seu primeiro surto na Micronésia, causando a disseminação da doença em Ilhas do Pacífico e no Brasil, em 2014. Foi relatado em dezembro de 2015 o primeiro caso de zika em Porto Rico. Um ano depois, mais de 34 mil pessoas carregavam a doença. Agora, mais de 2,5 bilhões de pessoas correm o risco de um possível surto do zika, o que custará à economia global mais de 500 bilhões de dólares. Esses números alarmantes projetam o que pode acontecer se as autoridades internacionais na área da saúde não se mobilizarem para uma ação conjunta. E, embora haja progressos em relação à pesquisa e tratamento de doenças transmitidas por mosquitos, metade da população mundial sofre o risco de contrair malária e outras doenças mortais.

 

FICHA TÉCNICA

Direção: Su Rynard

Duração: 75 minutos

Classificação: Livre

 

SERVIÇO

Mosquito: Uma Ameaça no Ar

Sexta-feira (21/7), às 22h30, na TV Cultura

--
Line-UP - Divulgação de Programação e Distribuição de Canais de TV.
http://www.lineup.net.br
http://blog.lineup.net.br
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos