Canal Brasil: "FAIXA MUSICAL" DO CANAL BRASIL EXIBE SHOW INÉDITO E EXCLUSIVO DO IRA! NESTE SÁBADO, DIA 28

ira1



No sábado, dia 28 de outubro, às 18h, a  "Faixa Musical" do Canal Brasil apresenta o inédito e exclusivo "Ira! Folk!", show que reúne sucessos do grupo de  Nasi e Edgar Scandurra durante uma trajetória de mais de três décadas. A coprodução do Canal Brasil com direção de Ana Karina Zaratin foi gravada no Citibank Hall, em São Paulo, e tem participações de Daniel Scandurra, filho de Edgard, do multi-instrumentista Johnny Boy, do violonista Yamandu Costa e da cantora Fernanda Takai.
 
"IRA! FOLK!" (2017) (83')
Horário: Sábado, dia 28, às 18h
Classificação: Livre
Direção: Ana Karina Zaratin
Sinopse: Formado em 1981, o Ira! conquistou um espaço cativo no coração dos fãs de rock and roll ao longo dos seus 35 anos de carreira. O espetáculo Folk – uma coprodução do Canal Brasil com direção de Airton Valadão Jr. –, no entanto, traz algo incomum para a banda: clássicos com novos arranjos num formato acústico e intimista. Captado no Citibank Hall, em São Paulo, o show reúne sucessos em seu formato mais "cru", sempre com voz e violão.
 
Em uma noite memorável, Nasi e Edgard Scandurra convidam os espectadores a um passeio por uma trajetória de mais de três décadas. Mudança de Comportamento, do primeiro álbum lançado pelo grupo, abre a apresentação, que ganha as participações ilustres de Daniel Scandurra, filho de Edgard, e do multi-instrumentista Johnny Boy. Flerte Fatal, Eu Quero Sempre Mais, O Girassol, Tarde Vazia, Flores em Você e Envelheço na Cidade são algumas das canções entoadas em coro pelo público. Os anfitriões convocam o violonista Yamandu Costa para tocar Dias de Luta e Perigo. Já Fernanda Takai empresta sua voz às faixas Tolices e Telefone.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos