Catarinenses e paranaenses já podem cadastrar seus celulares no sistema de alerta de desastres naturais


A partir desta segunda-feira (16.10), os moradores dos estados do Paraná e de Santa Catarina já podem cadastrar suas linhas móveis para receber mensagens de alerta de desastres naturais enviadas por SMS. E no dia 16 de novembro, o serviço vai começar a ser oferecido em São Paulo.

As mensagens são enviadas pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad) e pela Defesa Civil dos estados e municípios. Está sendo enviada para os celulares de Santa Catarina e Paraná a seguinte mensagem: "Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse". 

Ao fim do cadastro, o usuário é informado que o celular está apto a receber alertas de  inundações, alagamentos, temporais, perigo de deslizamentos de terra, entre outros, e também recebem recomendações da Defesa Civil. Se o usuário desejar, épossível cancelar o serviço por mensagem de celular.

Depois de um período de testes, o grupo coordenado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), e que conta com representantes do Cenad e da Associação Brasileira de TV por Assinatura (ABTA), definiu a expansão do serviço para  todo o país.

O primeiro projeto piloto foi realizado em 20 municípios de Santa Catarina, que reúnem mais de 500 mil habitantes a partir de fevereiro deste ano. Outras cinco cidades do Paraná, com cerca de 100 mil moradores, passaram também a contar com o sistema em junho.

O serviço de alerta de desastres naturais começou a ser utilizado no Japão a partir de 2007. Atualmente, mais de 20 países, entre eles o Canadá, Chile, Bélgica e Filipinas contam com serviços semelhantes.

Cronograma 

Os moradores dos estados do Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Espírito Santo poderão cadastrar seus números móveis no sistema de alertas a partir de 18 de dezembro deste ano. Seguidos, em 15 de janeiro de 2018, por Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Goiás, e, em 19 de fevereiro de 2018, por Distrito Federal, Mato Grosso e Tocantins. Os demais estados - BA, SE, AL, PE, PB, RN, CE, PI, MA, PA, AP, AC, AM, RO e RR- serão inseridos no sistema em 19 de março de 2018.

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos