DESTAQUES DA PROGRAMAÇÃO NATIONAL GEOGRAPHIC 09 A 15 DE OUTUBRO DE 2017

 


SEGUNDA-FEIRA - 09 DE OUTUBRO

 

22h30: Aeroporto Peru (Alerta Aeropuerto, S3) – INÉDITO!

EP.16: Uma pessoa detida colabora com os oficiais e é realizada uma operação para encontrar seu cúmplice. Os alertas internacionais permitem capturar dois passageiros estrangeiros e uma jovem enfrenta sua mãe depois da prisão. Classificação Indicativa: 14 anos

 

 

TERÇA - 10 DE OUTUBRO

 

22h30: Mayday! Desastres Aéreos (Air Crash Investigation Series 16 Aka Mayday 17) – INÉDITO!

Culpa da Tempestade?: No final da rota para Charlotte, na Carolina do Norte, o voo 1016 da USAir é subitamente engolido por chuva tão intensa que obstrui a visão do cockpit. Os pilotos abortam o pouso, mas, quando fazem isso, o avião cai do céu e bate. Dos 52 passageiros a bordo, 37 morrem. De alguma forma, os pilotos sobrevivem e insistem que o clima severo é o culpado. Mas para os investigadores, isso é apenas uma parte da história. Classificação Indicativa: 14 anos

 

QUARTA - 11 DE OUTUBRO

 

22h30: Mestres dos Barcos (Yard Aka American Shipyards, T)

Prejuízo na Maré Alta: Nas vias navegáveis em todo o país – no Alasca, no Oregon e em Nova Jérsei – estaleiros movidos por prazos apertados e operações de resgate constroem, consertam e resgatam barcos desde superembarcações de 8 milhões de dólares até barcos pesqueiros. É um mercado difícil, porque tempo no estaleiro significa que os proprietários dos barcos estão gastando muito enquanto não conseguem fazer dinheiro. Usando engenhosidade e arte, construtores navais fazem o que for necessário para colocar os barcos de volta na água, e de volta ao trabalho. Na Portland's Diversified Marine, a equipe constrói um trator rebocador de 65 toneladas. Mas eles estão com atraso de duas semanas, e o gerente de projetos Chris Waters leva todos ao limite para voltar ao cronograma. Em Nova Jérsei, o capitão John Ryan do Shamrock Towing and Salvage usa sua inteligência e a maré em alta para deslocar um veleiro que virou, antes que as ondas arruínem a embarcação de 35 mil dólares em que ele fica. No remoto Alasca, quando o compressor da Superior Marine quebra, todo o estaleiro precisa fechar. Cabe ao proprietário Don Sorric reviver a máquina para colocar seu negócio de volta nos trilhos. Classificação Indicativa: 10 anos

 

 

QUINTA - 12 DE OUTUBRO

 

21h45: Clube da Luta Aninal (Animal Fight Night, S4 Part 2) – INÉDITO

O Vencedor Leva Tudo: Na natureza, feras de todos os tamanhos entram em conflito: dos carinhosos ursos-cinzentos e búfalos raivosos, à identidade equivocada de uma cobra e a uma dose dupla de guerra de gangues. Esta é a natureza nua e crua: e estas são as batalhas dos mais corajosos. Com garras à mostra e veneno em fluxo vemos ganância, vingança, amor, ódio e pirataria. Classificação Indicativa: 14 anos

 

SEXTA - 13 DE OUTUBRO

 

22h30: Sobrevivente Selvagem (Wild Survivor)

Guerreiro Maori: Preso em uma montanha traiçoeira e carregando apenas as posses tradicionais Maori, o australiano Phil Breslin precisa lutar em seu caminho até Golden Bay, na ilha sul da Nova Zelândia. A paisagem traiçoeira não será seu único desafio aqui, onde tudo luta contra você. Phil precisa dominar as habilidades de sobrevivência dos locais e conquistar seu respeito, além de também praticar a antiga arte marcial Maori da Mau râkau e descobrir seu próprio espírito guerreiro. Classificação Indicativa: 12 anos

 

 

SÁBADO - 14 DE OUTUBRO

 

Especial: Sábado Selvagem

 

A partir das 09h e durante todo o sábado e madrugada do domingo, o National Geographic exibe programas que mostram a vida de animais ferozes, que vivem em meio à natureza selvagem em diversos continentes.

 

 

DOMINGO – 15 DE OUTUBRO

 

23h30: A Vida em Um Milhão de Anos (Year Million) - INÉDITO!

Energia Além da Terra: O consumo excessivo de energia e recursos nos leva a um ponto de ruptura em que teremos que contornar engenhosamente nossos problemas ou procurar outros planetas para habitar. Se sairmos do planeta, teremos que torná-lo habitável para os seres humanos através de processos como terraformação, o que pode levar a consequências não desejadas para esse ecossistema. Essa visão de universo centrada no ser humano é a abordagem certa? E é possível que civilizações alienígenas tenham alcançado um ponto de inflexão semelhante? Classificação Indicativa: 14 anos

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos