Nova série com Miriam Leitão, ‘História do Futuro’ mostra a construção do Brasil de amanhã


  

Diante de um cenário de crise histórica, projetar o futuro em meio a tantas incertezas é um desafio até para o mais otimista dos brasileiros. Mas existe um outro lado, que Miriam Leitão mostra na série 'História do Futuro', que estreia quinta-feira, dia 19, às 21h30, na GloboNews. Nos dez episódios, a jornalista percorre o país mostrando histórias de pessoas que pensam muito além do presente. "Sempre me afligiu, como jornalista, que o Brasil esteja muito preso ao presente, ao curto prazo. Um pouco disso é consequência de o país ser muito jovem, estar começando a envelhecer agora. Temos que nos preparar para o futuro. Com esse projeto, eu queria responder às seguintes perguntas: Que vantagens temos para enfrentar o futuro? Que riscos estamos correndo? O que o futuro vai exigir de nós? Viajei o Brasil conhecendo personagens incríveis, levantando dados e conversando com especialistas. Posso dizer que saí de cada matéria encantada com a força do país", diz Miriam Leitão.

 

A série 'História do Futuro' é inspirada no livro homônimo da jornalista, que passou quatro anos pesquisando e realizando entrevistas. "Vamos atrás de outras histórias. Quem lê o livro, vê a série e vice-versa. As histórias se complementam. O Brasil tem muitos exemplos de coisas certas",  reflete Miriam.  Ela foi de norte a sul à procura de pessoas que estão fazendo a diferença em temas como educação, saúde, nossos biomas, tecnologia, emprego, demografia, agricultura, cidade e democracia. E encontrou exemplos inspiradores. Uma escola do ensino médio que tem a taxa de evasão escolar próxima a zero. Uma fazenda na Amazônia que preserva 80% da floresta e usa a pecuária intensiva para aumentar produtividade e lucratividade. Um senhor de 95 anos que há quase 80 anos trabalha na mesma empresa. E o Parque Nacional de Anavilhanas, o segundo maior arquipélago fluvial do mundo, que compreende 400 ilhas e é vigiado por apenas dois fiscais.

 

O tema de estreia, "Terra, a fortuna e o destino", fala sobre o enorme patrimônio ambiental do Brasil, que tem a maior biodiversidade do planeta. Miriam foi atrás de iniciativas de ponta feitas nos diversos biomas brasileiros. Na Mata Atlântica, a equipe visitou uma área restaurada em Itu, equivalente a 650 campos de futebol. Nos Pampas, encontrou as sutilezas do bioma que tem mais de duas mil espécies de plantas herbáceas, gramíneas compostas e leguminosas. A série mostra ainda as particularidades da caatinga e do cerrado. "Não podemos desanimar  e perder o país. O que eu quero passar com o 'História do Futuro' é que lutar vale à pena. Não é um positivo falso. É um positivo real. Essas histórias são reais. Essas iniciativas maravilhosas que encontramos também são o Brasil", defende Miriam.

 

'História do Futuro' vai ao ar a partir do dia 19, às quintas-feiras, às 21h30, na GloboNews.

 

Foto: Miriam Leitão no Parque Nacional de Anavilhanas

Crédito: Globo

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

REPÓRTER POLICIAL REVELA INFORMAÇÕES EXCLUSIVAS SOBRE CASOS DE GRANDE REPERCUSSÃO

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

GNT começa 2017 com documentários inéditos