Glória Maria e Sérgio Chapelin lembram os melhores e piores momentos do ano

 


 

Um ano marcado por desafios e escândalos políticos no Brasil e no mundo,  crise na economia e ataques terroristas.  Glória Maria e a Sérgio Chapelin repassam os principais acontecimentos que fazem deste um ano histórico na 'Retrospectiva 2017', que a Globo exibe dia 29 de dezembro, após 'O Outro Lado do Paraíso'. "Esse programa vai mostrar para gente um ano de extremos, de intolerância, opressão e revoltas no mundo todo. Foi um ano difícil, duro, sem amor, e muito violento, mas temos certeza de que o mundo pode ser muito melhor. Olhar para ele com sabedoria e conhecimento faz com que a gente encontre forças para fazer um 2018 diferente", reflete Glória Maria. 

 

O ano de 2017 é simbólico. Apesar de a corrupção seguir se destacando na política, nunca se viu tantos poderosos atrás das grades, e os principais líderes mundiais seguem medindo forças. Um ano de reviravoltas da natureza, com tempestades, furacões e incêndios de grandes proporções. Em meio a tudo isso, o 'Retrospectiva 2017' destaca também os bons exemplos e avanços na sociedade. As mulheres que ganham cada vez mais espaço e se destacaram salvando crianças, impedindo tragédias e levantando a voz contra desigualdades. As novidades na saúde, na ciência e no esporte continuam despontando. Os transgêneros ganharam espaço e hoje são cada vez mais reconhecidos e compreendidos. E pessoas que ficaram conhecidas por seus gestos de honestidade também serão lembradas e celebradas.

 

A 'Retrospectiva 2017' vai ao ar no dia 29 de dezembro, depois da novela 'O Outro Lado do Paraíso'. 

 

Foto: Sérgio Chapelin e Glória Maria apresentam a 'Retrospectiva 2017'. Crédito: TV Globo/ Paulo Belote

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

INVESTIGADOR PARTICULAR FAMOSO POR SUAS ARTIMANHAS, BRIAN WOLFE RECONSTITUI CASOS DE SEU ARQUIVO EM SÉRIE INÉDITA

BIS estreia terceira temporada de "Versões" em 19 de julho