Clássicos exibe Concerto de Ano Novo da Orquestra Filarmônica de Viena 2018


O aguardado espetáculo tem composições fascinantes da Dinastia Strauss e grandes obras do gênero, sob regência do maestro italiano Riccardo Muti. Vai ao ar de forma inédita neste sábado (6/1), às 21h35, na TV Cultura e no YouTube

 

São Paulo, 2 de janeiro de 2018 - Uma tradição na história da Áustria, o Concerto de Ano Novo da Orquestra Filarmônica de Viena, que já acumula 175 anos, apresenta um programa composto pela música viva e ao mesmo tempo nostálgica do vasto repertório da família de Johann Strauss e seus contemporâneos. No primeiro sábado de janeiro (6/1), a TV Cultura traz todo o encanto dessa apresentação inédita diretamente da capital da música, com transmissão simultânea na televisão e no YouTube, às 21h35.

 

Apresentado na famosa Grande Sala Musikverein, o espetáculo de 2018 reúne músicas da dinastia Strauss, compostas durante o período mais sombrio da história da Áustria, e fornece interpretações instrumentais e definitivas das obras-primas deste gênero, sob a batuta do maestro italiano Riccardo Muti. O regente trabalha com a Filarmônica de Viena desde 1971, já realizou mais de 500 concertos com a orquestra e foi nomeado seu Membro Honorário. Este é seu quinto Concerto de Ano Novo.

 

No repertório da apresentação, estão valsas, como Frescos de Viena e Flores de Mirtilo; polcas, como Desfile Nupcial e Balas Mágicas; mazurca, como Cidade e Campo; quadrilhas, como Um Baile de Máscaras; e marchas.

 

O concerto ainda conta com filmagens de cenas de ballet, coreografadas pelo artista italiano Davide Bombana. Interpretada por dez solistas do Ballet Estatal de Viena, uma das cenas é a valsa Rosas do Sul, de Johann Strauss, no Castelo Eckartsau. A outra cena - Stéphanie-Gavotte, de Alphons Czibulka - consiste em um pas de deux no Hietzinger Hofpavillon.

 

A Filarmônica de Viena tem como missão comunicar a mensagem humanitária da música nas vidas diárias e na consciência de seus ouvintes. Em 2012, a orquestra tornou-se o primeiro Embaixador de Boa Vontade do Instituto Internacional de Análise de Sistemas Aplicados (IIASA). Os músicos se esforçam para implementar o lema com o qual Ludwig van Beethoven, cujas obras sinfônicas serviram de catalisador para a criação da orquestra, prefaciou sua Missa Solemnis - "Do coração ao coração".

 

Clássicos traz, semanalmente, concertos de grandes orquestras, óperas e espetáculos de ballet. A atração ainda exibe produções documentais da TV Cultura sobre algum aspecto da música erudita.

 

Serviço:

Exibição: sábado

Horário: 21h35

Duração: 1h55

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

“Tá Na Hora do Café”: Mais Globosat estreia série sobre o universo do Café no Brasil

NZN lista os filmes mais aguardados de maio