​ DISCOVERY ACOMPANHA CIRURGIAS PLÁSTICAS REPARADORAS EM SÉRIE INÉDITA

 
 
 
Pacientes passaram por procedimentos prévios que tiveram consequências graves do ponto vista clínico e desastrosas para a estética
 
 

Cena da série

Com a popularização das cirurgias plásticas, surgiu uma nova demanda: o 'conserto' de corpos com a tentativa de reversão de procedimentos malsucedidos. CIRURGIÕES AO RESGATE (Botched Up Bodies), série que o Discovery estreia na quarta-feira, 14 de fevereiro, às 21h30, registra o trabalho de cirurgiões especializados em técnicas reparadoras, um filão considerável do bilionário mercado da cirurgia plástica.  

Em episódios de uma hora, a série acompanha casos reais de pessoas que sonhavam com uma nova aparência e, depois de pós-operatórios problemáticos e dolorosos, ficaram com os corpos desfigurados.

Os pacientes que fazem parte da série têm o mesmo problema: passaram por lipoaspirações, colocação de próteses, ou procedimentos estéticos que não deram certo. Cada episódio apresenta diversos pacientes e os acompanha na busca por ajuda – da consulta inicial com os novos médicos ao centro cirúrgico, a série registra todo o processo de reparação.

O primeiro caso do episódio de estreia de CIRURGIÕES AO RESGATE é o de Clare Bird. Aos 39 anos, ela tenta reverter os efeitos de uma grave complicação no pós-operatório da redução mamária: necrose dos tecidos. Depois de meses com feridas abertas e consequências emocionais sérias, ela visita o cirurgião Nick Percival para avaliar o quadro e tentar revertê-lo.

Também na estreia, Sherri Lee Mason fez uma cirurgia íntima na região da vulva. Em vez de igualar o tamanho dos lábios vaginais, o cirurgião praticamente os removeu. Ela tentou consertar os efeitos da cirurgia com preenchimento, o que a deixou ainda mais desfigurada. Agora, Sherri busca a ajuda de um novo médico.

Ainda no primeiro episódio, a série conta a história da Dawn Tweedle, mulher que perdeu muito peso em decorrência de cirurgia bariátrica. A remoção do excesso de pele, que era para ser o marco de uma nova vida para Dawn, tornou o resgate da autoestima ainda mais difícil depois que o abdômen dele ficou desforme. O cirurgião Patrick Malluci trabalhará para a reconstrução da silhueta.

Sara Amoli teve um preenchimento permanente aplicado no rosto e, desde então, sofre com infecções dolorosas e que mudaram sua feição – agora, ela espera que o cirurgião Niall Kirkpatrick retire, de uma vez por todas, o material utilizado em sua face. Finalizando o primeiro episódio, Louise Dean decidiu passar por uma mamoplastia após cinco gestações – a cirurgia deixou seus seios assimétricos.

 

SERVIÇO

CIRURGIÕES AO RESGATE (Botched Up Bodies)

Estreia: quarta-feira, 14 de fevereiro, às 21h30

Classificação indicativa: 14 anos


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

​EM SAFRA INÉDITA NO TLC, “OS BUSBYS + 5” VIAJAM A NOVA YORK E APOSTAM EM NOVO NEGÓCIO

Série Rotas do Ódio estará com acesso livre no Universal Channel Play nesta semana

​Karina Oliani comanda "A outra face do Everest" no Canal Off