​‘Arquivo N’ analisa os cinco anos de pontificado do papa Francisco

 

Há exatos cinco anos, no dia 13 de março, o cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio foi anunciado como papa Francisco, o 266º sumo pontífice da Igreja Católica.  Em meio a crises e escândalos no Vaticano, a Igreja Católica, que vinha perdendo fiéis ao longo dos anos, deu ao novo papa a incumbência de renovar sua imagem. Com um jeito simples e direto, Francisco cumpriu a missão e se tornou um dos papas mais populares e carismáticos da história.  

 

O 'Arquivo N', que a GloboNews exibe nesta quarta-feira, dia 14, faz um balanço desta trajetória. O repórter Gerson Camarotti, que apresenta o programa, entrevista  dom Orani Tempesta, arcebispo do Rio de Janeiro, e dom Raymundo Damasceno, ex-presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil  (CNBB). Para Damasceno, mais mudanças acontecerão na Igreja sob o comando de Francisco: "Ele fez uma grande reforma, com uma nova comissão para o Banco do Vaticano. Também criou um conselho próximo a ele, além dos demais cardeais, para ajudar na condução da Igreja. E a reforma feita pelo papa Francisco na cúria romana certamente vai continuar nos próximos anos ".

 

O Arquivo N é exibido às quartas-feiras, às 23h. 

 

Foto: Papa Francisco em meio a fieis. 

Crédito: Divulgação


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

​EM SAFRA INÉDITA NO TLC, “OS BUSBYS + 5” VIAJAM A NOVA YORK E APOSTAM EM NOVO NEGÓCIO

Série Rotas do Ódio estará com acesso livre no Universal Channel Play nesta semana

​Karina Oliani comanda "A outra face do Everest" no Canal Off