SÉRIE RECONSTITUI ASSASSINATOS COMETIDOS POR IRMÃS QUE UNIRAM FORÇAS NO CRIME


 
 

 

 

 

IRMÃS PERVERSAS compartilham o sobrenome e o ímpeto homicida; série original é produzida por Khloe Kardashian
 
 
 
Cena da série Irmãs Perversas
 
Elas têm mais em comum do que os mesmos pais: nutrem secretamente um ódio mortal que as levará a cometer crimes hediondos. As IRMÃS PERVERSAS(Twisted Sisters) são protagonistas da série inédita que o Investigação Discovery exibe a partir de quinta-feira, 25 de outubro, às 23h05.
 
Em episódios de uma hora, a série – que tem Khloe Kardashian como produtora executiva – revive casos de assassinatos motivados por irmãs que uniram forças para destruir vidas ou que cometeram fratricídio. Cada episódio tem como foco um crime real e recorre a entrevistas com pessoas diretamente relacionadas às investigações, além de familiares das vítimas e das assassinas.
 
Esses relatos marcantes são acompanhados de imagens retiradas dos arquivos da polícia, como fotografias e vídeos que registram as investigações. Dramatizações reconstituem os eventos que precedem os assassinatos e os próprios crimes.
 
Jornalistas, promotores e investigadores que trabalharam nas apurações dos casos ajudam a montar o quebra-cabeças que a polícia teve de resolver para que essas peças centrais fossem encontradas: mulheres que usam o mesmo sobrenome, têm o mesmo sangue e o mesmo ímpeto homicida.
 
O episódio de estreia de IRMÃS PERVERSAS retorna a 5 de novembro de 1988. A polícia recebeu uma ligação que relatava um tiroteio em uma área residencial da pacata cidade de Grants Pass. A cena do crime era macabra: a frase "trust in Jesus" ("confie em Jesus", em tradução livre) estava escrita uma parede da casa da família Greene, grafada com aquilo que aparentava ser sangue humano.
 
Foram três as vítimas: o casal Lynn e David Greene e o filho deles, o pequeno Nathaniel Greene, de apenas dois anos de idade. Lynn já estava morta quando a polícia chegou; Nathan foi encaminhado em estado crítico ao hospital, assim como David.
 
O casal atacado dentro do próprio lar frequenta a mesma igreja que as irmãs Sharon e Deborah Halstead. As famílias Greene e Halstead eram, além de vizinhas, muito próximas. Quando um culto extremista aparece durante a apuração, Sharon e Deborah, duas das praticantes, se transformam nas principais suspeitas.
 
O sargento Verlin David, que liderou as investigações, conta como as evidências levaram às duas irmãs. Harry Shively, filho de Sharon Halstead, era criança na época. Hoje, ele fala às câmeras sobre as tristes lembranças que tem sobre as problemáticas relações familiares.
 
SERVIÇO
IRMÃS PERVERSAS (Twisted Sisters)
Estreia: quinta-feira, 25 de outubro, às 23h05
Classificação indicativa: 14 anos

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

​EM SAFRA INÉDITA NO TLC, “OS BUSBYS + 5” VIAJAM A NOVA YORK E APOSTAM EM NOVO NEGÓCIO

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

Série Rotas do Ódio estará com acesso livre no Universal Channel Play nesta semana