Sundance TV estreia a quinta temporada de “Rake” em 16 de outubro

Jane Turner ("Kath & Kim") e Jacek Koman (Moulin Rouge: Amor Em Vermelho, "Jack Irish") se juntam ao elenco

 

Nova York – 2 de outubro de 2018 - A quinta temporada da aclamada comédia dramática australiana "Rake" esteia com exclusividade na Sundance TV em dia 16 de outubro, terça-feira, às 22h.

"Rake" acompanha as aventuras de Cleaver Greene, interpretado por Richard Roxburgh (Até o Último Homem, Missão: Impossível 2), um bem-sucedido mas autodestrutivo advogado (também conhecido na Austrália como um "rake" ou ancinho) que assume os casos mais polêmicos. Brilhante e travesso, Cleaver é viciado em viver e faz malabarismos com uma complexa vida pessoal e sua colorida carreira. Quer se trate de mulheres, jogos de azar ou drogas, Cleaver pode resistir a qualquer coisa, menos à tentação.

Na quinta temporada de "Rake", vemos Cleaver um ano depois de passar a morar em Canberra como Senador no Parlamento Federal. Lá ele enfrenta velhos e novos inimigos: a temível Senadora direitista Penny Evans, interpretada por Jane Turner ("Kath & Kim"), e um novo companheiro na forma de Jakub, o motorista de seu carro oficial, interpretado por Jacek Koman (Moulin Rouge: Amor Em Vermelho, "Jack Irish"). Nicole Vargas (Kate Box) é agora a Chefe de Gabinete de Cleaver, e Jack (Tasma Walton) se esconde nas sombras do Parlamento, pronto para turbinar ou quebrar carreiras. David Potter (Matt Day) fez a transição para Senador do Partido Verde e Joe (Mark Mitchinson), o arquirrival e meio-irmão de Cal, é o Líder do Governo no Senado que, juntamente com o Ministro da Segurança Interna Gareth Morrow (William McInnes), dirige o governo com mão de ferro - ou assim ele pensa.

Enquanto isso, Wendy (Caroline Brazier) é encorajada a estabelecer sua banca na Capital, enquanto Missy (Adrienne Pickering) se torna, sabe-se lá como, Secretária de Imprensa de Cleaver e, com Fuzz (Keegan Joyce) desaparecido em ação no Vale do Silício, ela (e Winsome, a filha deles) vão morar com Cleaver. Cal (Damien Garvey) luta suas próprias batalhas tanto em casa com Jane (Sonia Todd) e no trabalho, com a nomeação de Caitlin Farquhar (Sara Wiseman) como co-apresentadora de seu programa, até que a oportunidade bate à sua porta e ele ganha tanto um mandato como uma pasta ministerial, com a promessa de algo mais.

Com a suspeita de um ataque terrorista com gás na Nova Sede do Parlamento, um incidente infeliz durante a visita do Secretário de Defesa dos EUA Linus Potemkin (Anthony LaPaglia), a convocação de uma greve bancária por alguém vestido de zebra, uma tentativa de assassinato, um caso de difamação, a luta para manter um icônico sorvete australiano, e os Primeiros-Ministros constantemente sendo substituídos, estará Cleaver Greene à altura para ajudar a Austrália a manter a calma e seguir em frente?

"Rake" é um sucesso entre os críticos. O australiano The Sunday Herald Sun descreveu a série como "rigidamente escrito, irreverente, hilariantemente cínico", enquanto The Sydney Morning Herald declarou que "Cleaver Greene é uma magnífica criação cômica". No Reino Unido, The Guardian elogiou a "engenhosidade e a inventividade" da série.

A temporada cinco de "Rake" é escrita por Peter Duncan e Andrew Knight, produzida por Ian Collie, Peter Duncan e Richard Roxburgh e dirigida por Rowan Woods, Jennifer Leacey, Shannon Murphy e Matthew Saville.


Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

​EM SAFRA INÉDITA NO TLC, “OS BUSBYS + 5” VIAJAM A NOVA YORK E APOSTAM EM NOVO NEGÓCIO

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

Série Rotas do Ódio estará com acesso livre no Universal Channel Play nesta semana