Casagrande dá show de sinceridade na nova temporada de Doc. Bandsports

 

Walter Casagrande deu um show de sinceridade na longa entrevista que concedeu ao jornalista Nivaldo de Cillo, para o primeiro programa da nova temporada do Doc. Bandsports. Sem rodeios, o ex-atleta e atual comentarista da Globo falou do período da Democracia Corinthiana e de todos os problemas que ele e todo o time tiveram, à época, com a ditadura militar. "Eles não gostavam das nossas atitudes públicas em defesa da democracia. Como a gente continuava, apesar de pressão, eles paravam os jogadores diariamente em blitz policiais, só para amedrontar. Teve dia que eu fui parado duas vezes", contou.

Na época, Casagrande foi preso, acusado de portar cocaína – fato que ele credita a mais uma ação de amedrontamento praticado pelo governo militar. "Transformaram minha prisão num show. Comemoravam como se tivessem prendido o pior dos bandidos", disse.

Casagrande também não economizou sinceridade ao falar sobre as dificuldades que teve no relacionamento com os filhos, sobre a dependência de drogas e a cura que conseguiu, ou sobre suas preferências artísticas. "Sou do rock. Acho que gosto mais de rock do que de futebol", confessou.

O programa Doc. Bandsports com a entrevista de Casagrande vai ao ar neste domingo (dia 17 de março), às 21 horas, no canal Bandsports. Na semana seguinte, o entrevistado será o maratonista Vanderlei Cordeiro de Lima, bicampeão dos Jogos Pan-americanos e medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de Atenas 2004. Ele vai contar o que é perder uma medalha de ouro olímpica por causa do abraço de que recebeu de um torcedor durante a corrida.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

DUPLA DÁ VIDA NOVA A CASAS ABANDONADAS NA SÉRIE “ALISON E DONOVAN: REFORMANDO COM ESTILO”

​EM SAFRA INÉDITA NO TLC, “OS BUSBYS + 5” VIAJAM A NOVA YORK E APOSTAM EM NOVO NEGÓCIO