Canal Brasil homenageia cineasta Oswaldo Massaini em seu centenário

 

Programação traz cinco longas clássicos do cinema brasileiro

 

Oswaldo Massaini, um dos mais ativos produtores do cinema brasileiro entre as décadas de 1950 e 1970, completaria 100 anos em 3 de abril. Fundador da produtora Cinedistri, Massaini produziu mais de 60 títulos, entre eles "O Pagador de Promessas", dirigido por Anselmo Duarte e, até hoje, o único filme latino-americano a ganhar a Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Para celebrar seu centenário, o Canal Brasil preparou uma programação especial com cinco longas que marcaram a carreira do cineasta. Do dia 30 de março até 3 de abril, sempre às 16h, serão exibidos "Quem Roubou Meu Samba?"Chico FumaçaBeto RockfellerIndependência ou Morte" e "Rio, Verão e Amor".

Os filmes de Massaini são de relevância incontestável para a memória do cinema nacional e o Canal Brasil, um dos principais responsáveis por manter nossa história cinematográfica viva, contempla em sua grade clássicos como esses, exaltando a produção brasileira com títulos desde a década de 1950 até os mais recentes lançamentos da indústria audiovisual.

 

Homenagem a Oswaldo Massaini

Quem Roubou Meu Samba? (1958) (82')

Horário: Segunda, 30 de março, às 16h

Sinopse: Popular compositor do morro, Atanásio multiplica seus negócios vendendo a mesma canção para várias gravadoras. A dona de uma das empresas, desconfiada do golpe, decide contratar o detetive Leovigildo.

Direção: José Carlos Burle

Classificação: Livre

 

Chico Fumaça (1958) (81')

Horário: Terça, 31 de março, às 16h

Sinopse: Roceiro semianalfabeto, depois de passar a vida toda observando os trens e paquerando uma professora, evita descarrilamento de uma composição e vira herói nacional.

Direção: Victor Lima

Classificação: Livre

 

Beto Rockfeller (1971) (87')

Horário: Quarta, dia 1º de abril, às 16h

Sinopse: O malandro Beto Rockfeller é um pobretão que usa sua enorme simpatia e falta de caráter para se fazer passar por magnata e viver entre a alta sociedade.

Direção: Olivier Perroy

Classificação: 10 anos

 

Independência ou Morte (1972) (108')

Horário: Quinta, 2 de abril, às 16h

Sinopse: No início do século 19, com o regresso de D. João VI para Lisboa, permanece no país apenas D. Pedro de Alcântara, que assume o posto de Príncipe Regente. Liderados por José Bonifácio, os brasileiros resistem e começam a campanha da independência.

Direção: Carlos Coimbra

Classificação: Livre

 

Rio, Verão e Amor (1966) (120')

Horário: Sexta, 3 de abril, às 16h

Sinopse: Tudo acontece de errado na vida de um industrial viúvo, quando este decide afastar-se da direção de sua próspera empresa e apaixona-se por uma jovem francesa capaz de deixa-lo totalmente louco.

Direção: Watson Macedo

Classificação: Livre

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

Pyong Lee fala do seu namoro atual e conta que já apanhou de namorada

DUPLA DÁ VIDA NOVA A CASAS ABANDONADAS NA SÉRIE “ALISON E DONOVAN: REFORMANDO COM ESTILO”