No fim de semana do dia da mulher, GNT Talks traz para debate temas como o protagonismo da mulher e a cultura do cancelamento no Festival GRLS!


 

Os painéis foram mediados por Astrid Fontenelle e contou com a presença de mulheres atuantes em diversas causas como Raquel Virgínia, Carla Akotirene, Jout Jout, entre outras.

 

No fim de semana do dia internacional da mulher, o GNT celebrou a data da maneira que mais gosta, colocando para debate assuntos que vivenciamos no mundo contemporâneo pela ótica de diferentes realidades femininas. No GNT Talks, ocorrido no Festiva GRLS!, representantes de diversas causas compartilharam suas perspectivas e experiências com o público que lotou os painéis nos dois dias do evento que aconteceu no último fim de semana. 

Mediado por Astrid Fontenelle, alguns dos temas levantados foram, a cultura do cancelamento, o textão das redes sociais e as mulheres no protagonismo. Entre os principais destaques de falas tão emblemáticas, a escritora e assistente social, Carla Akotirene, comentou sobre o racismo instituído no meio da cultura do cancelamento. "Eu não consigo lidar com isso porque para mim as primeiras pessoas canceladas na história da humanidade foram as pessoas negras. A política de cancelamento é uma política de desonestidade intelectual" (veja a fala). Já no painel sobre mulheres protagonistas e suas lutas, a cantora Raquel Virgínia falou sob o ponto de vista da mulher trans. "Porque só o que viraliza é a violência contra as pessoas trans e o não o sucesso?", questionou. Assista o trecho do debate aqui.

Outro ponto alto aconteceu com a fala da youtuber Jout Jout, que esteve no debate sobre como pagar as contas e seguir seus sonhos. Ela falou sobre suas experiências profissionais como influenciadora digital e aprendizados. "Pouca coisa foi planejada, elas foram acontecendo e ia avaliando se estava dando um friozinho na barriga para o bem ou para o mal.  Apesar de ser youtuber, não sei existir nesse 'rolê' das redes sociais. Eu não sei nem quando foi a última foto que eu coloquei no Instagram. Da minha vida, o que acho que vale a pena compartilhar, compartilho", comentou.

Fernanda Lima e Monja Coen também estiveram presentes no painel sobre como conciliar corpo e mente em um ambiente de múltiplos estímulos que vivemos. As duas – que estreiam o programa "Caminho Zen", no dia 11 de março - falaram, entre outras coisas, sobre os impactos positivos da meditação e convidaram os presentes para uma prática meditativa de dez minutos guiada pela Monja.

Ao longo do mês de março, o público ainda poderá conferir, nos programas Papo de Segunda e Saia Justa, matérias especiais produzidas durante o festival GLRS!. Os painéis tiveram transmissão ao vivo no YouTube do GNT e, quem não pôde comparecer no evento, pode conferir os debates na íntegra no canal (clique aqui para assistir).

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

Pyong Lee fala do seu namoro atual e conta que já apanhou de namorada

DUPLA DÁ VIDA NOVA A CASAS ABANDONADAS NA SÉRIE “ALISON E DONOVAN: REFORMANDO COM ESTILO”