Léa Garcia recebe homenagem do Canal Brasil

Programação especial contará com quatro longas. Série "Vizinhos", que estreia dia 25 de agosto no canal, foi um dos últimos trabalhos da atriz

Léa Garcia. Foto: Divulgação.

Canal Brasil abre espaço em sua grade para uma homenagem à atriz Léa Garcia, que morreu aos 90 anos, na manhã de hoje em Gramado, onde receberia o Troféu Oscarito na 51ª edição do festival. Na programação especial serão exibidos em sequência, a partir das 21h45, quatro longas-metragens com a atriz: "Filhas do Vento" - que rendeu a ela o prêmio de melhor atriz no Festival de Gramado - e "A Negação do Brasil", de Joel Zito Araújo; "Um Dia com Jerusa", de Viviane Ferreira; e "O Maior Amor do Mundo", dirigido por Cacá Diegues. Um de seus trabalhos mais recentes para a televisão foi na série inédita do canal, "Vizinhos", com estreia marcada para o dia 25 de agosto. Na produção, a atriz interpreta três personagens diferentes em três episódios.  No YouTube do Canal Brasil está disponível também um episódio do programa "Espelho" de 2007, comandado por Lázaro Ramos, com Léa, Milton Gonçalves e Taís Araújo, além de uma entrevista recente de Léa Garcia com Simone Zuccolotto no Cinejornal.


"A Negação do Brasil", dirigido por Joel Zito Araújo, é um documentário que aborda a história das novelas no Brasil pela ótica dos atores negros e os papéis designados a eles. De uma perspectiva pessoal, mas embasada por pesquisas profundas, o diretor traz a influência dos papéis de atores negros na idêntidade étnica do povo preto e reflete sobre a necessidade de um cuidado maior nos criterios escolhidos sobre as escolhas desses papéis. O longa foi premiado na categoria de Melhor Roteiro Documentário no Festival de Recife de 2001.


"Um Dia com Jerusa" é o terceiro longa-metragem de ficção realizado por uma cineasta negra no Brasil. Foi exibido na 44ª Mostra de Cinema de São Paulo e indicado ao AMAA – African Movie Academy Awards como melhor filme realizado em diáspora. A obra inicialmente seria um curta e chegou a ser exibida no Festival de Cannes nesse formato. O filme conta a história do encontro da jovem Silvia (Débora Marçal) com Jerusa, de 77 anos. A senhora, personagem de Léa Garcia, mora no bairro Bixiga, em São Paulo, e compartilha com Silvia suas experiências e lembranças vividas no lugar recheado de memórias ancestrais. 


"Filhas do Vento" é o primeiro filme de ficção de Joel Zito Araújo e foi vencedor de oito Kikitos no Festival de Gramado, entre eles o de melhor atriz para Léa Garcia, e melhor filme pelo júri da crítica. Na Mostra de Tiradentes, o longa foi escolhido o melhor filme pelo júri popular e no Paratycine, venceu a categoria de melhor roteiro. A trama acompanha a relação de duas irmãs, Cida, personagem vivida por Taís Araújo na fase jovem e por Ruth de Souza na maturidade, e Ju, interpretada por Thalma de Freitas e Léa Garcia. As duas se separaram ainda jovens e se reencontram 45 anos depois, no enterro do pai (Mílton Gonçalves), com vidas totalmente diferentes. 


Dirigido por Cacá Diegues, "O Maior Amor do Mundo" é protagonizado por José Wilker, que vive um astrofísico e paciente terminal. No longa, Léa Garcia interpreta uma mãe de santo. A produção foi premiada no Montreal Int Film Festival, no Canadá, em 2006 na categoria de Melhor Filme, Festival de Biarritz, na França, no mesmo ano, como Melhor Filme Júri Popular Jovem na categoria de Melhor Música no Festival Int. de Nuevo Cine Latinoamericano em La Habana, também em 2006, no ano seguinte no Festival Int. de Cine de Mar del Plata com o Prêmio Especial do Júri na competição internacional. Levou também as categorias de Melhor Filme e Melhor Ator no Festival de Cinema Brasileiro em Paris e o Prêmio Especial do Júri para o Filme e Melhor Ator para José Wilker no Festival de Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia. 


Léa Garcia na série "Vizinhos", que estreia no Canal Brasil dia 25 de agosto. Crédito: Clara Sampaio.

Ao longo de sua carreira, Léa tem trabalhos marcantes no teatro, na TV e no cinema. Sua estreia nos palcos foi em 1952, na peça "Rapsódia Negra", de Abdias do Nascimento. Quatro anos depois, fez parte do elenco da montagem de "Orfeu da Conceição", espetáculo que estreou no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, com cenários de Oscar Niemeyer. A partir da peça, foi feito o filme "Orfeu Negro" (1959), de Marcel Camus, que marcou a estreia de Léa no cinema. O longa venceu o Oscar de Melhor Filme Estrangeiro pela França, e a Palma de Ouro no Festival de Cannes. A atriz também foi indicada ao prêmio de melhor atriz no festival francês. Na TV, participou de sucessos como "Selva de Pedra" e "Escrava Isaura", obra em que viveu a marcante vilã Rosa. 



Filhas do Vento (2004) (85') 

Horário: Terça, 15/08, às 21h45

Classificação: 14 anos

Direção: Joel Zito Araújo

Sinopse: Em uma pequena cidade no estado de Minas Gerais, Brasil, duas irmãs se reencontram depois de anos de diferença. Uma delas foi para a cidade, tentando garantir uma carreira como atriz. A outra ficou para cuidar do pai.


Um Dia com Jerusa (2020) (73')

Horário: Terça, 15/08, às 23h10

Classificação: 14 anos

Direção: Viviane Ferreira

Sinopse: "Um dia com Jerusa" acompanha Sílvia, uma jovem pesquisadora de mercado, de nível médio, que enfrenta as dificuldades do subemprego enquanto aguarda o resultado de um concurso público, e Jerusa, uma graciosa senhora de 77 anos, testemunha ocular do cotidiano do Bixiga, um bairro repleto de memórias ancestrais.


O Maior Amor do Mundo (2006) (106')

Horário: Terça, 15/08, à 0h25

Classificação: 10 anos

Direção: Cacá Diegues

Sinopse: Antônio, um famoso astrofísico brasileiro e professor em uma universidade americana, recebe a notícia de que tem uma doença fatal. Ao retornar ao Brasil para receber uma homenagem oficial, ele descobre a identidade de seus verdadeiros pais e a surpreendente história de amor entre eles, que muda sua vida.


A Negação do Brasil (2007) (92')

Horário: Terça, 15/08, às 2h10

Classificação: Livre

Direção:  Joel Zito Araújo

Sinopse: Documentário sobre atores negros brasileiros e seu papel na história da telenovela, o produto de maior audiência na TV brasileira.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SexPrivé Club: Nova apresentadora

Cine Gloob apresenta mais de 40 filmes no mês de Maio

​AMC Networks International – Latin America continua desafiando as tendências do mercado