“A NOITE DAS BRUXAS”: AGATHA CHRISTIE E KENNETH BRANAGH, DOIS ANFITRIÕES DE LUXO PARA UMA NOITE DE HALLOWEEN ASSUSTADORA

Desenho com traços pretos em fundo branco e letras pretas    Descrição gerada automaticamente com confiança média


Já está disponível no Star+ o novo filme do detetive Hercule Poirot que tem o terror presente em sua trama

 

Pessoas de terno e gravata    Descrição gerada automaticamente

Trailer legendado: https://www.youtube.com/watch?v=CLpH3-rcHdQ

Trailer dublado: https://www.youtube.com/watch?v=RLePXMcmuQY


Neste ano, o Star+ comemorou o Halloween com a estreia de "A Noite das Bruxas". Os assinantes da plataforma já podem assistir ao filme de maior temática de terror da trilogia "Poirot", dirigido e estrelado por Kenneth Branagh, e baseado nos romances da célebre Agatha Christie.

 

A história, que se passa em uma noite de Halloween nos anos pós-Segunda Guerra Mundial, gira em torno de uma perturbadora sessão espírita em um decadente palácio veneziano, onde se reúne um variado grupo de convidados, interpretado por um brilhante elenco, incluindo Kyle Allen, Camille Cottin, Jamie Dornan, Tina Fey, Jude Hill, Ali Khan, Emma Laird, Kelly Reilly, Riccardo Scamarcio e Michelle Yeoh. Entre os convidados está o famoso detetive Hercule Poirot (Kenneth Branagh), que se vê obrigado a resolver um caso de assassinato que o envolve em um mundo aterrorizante de sombras e segredos.

 

Rosto de mulher visto de perto    Descrição gerada automaticamente

 

O terror no centro

Idealizado por Branagh, "A Noite das Bruxas" é uma história que traz elementos do puro terror. Após "Assassinato no Expresso do Oriente" e "Morte no Nilo", seus dois filmes anteriores baseados em romances de Christie, Branagh quis se aventurar em um mundo mais arrepiante. O filme é uma adaptação do romance A Noite das Bruxas, mas o roteirista Michael Green também se inspirou em alguns contos de Christie que tratam do sobrenatural. "Existe uma coleção de contos conhecida como The Last Séance (publicado no Brasil como O Cão da Morte)", diz Green, "e a história que dá título à coletânea é realmente assustadora. Assim, embora "A Noite das Bruxas" seja inspirado no livro homônimo, ele também carrega em seu DNA as ideias de Christie sobre o sobrenatural".

 

A partir daí, Branagh e Green adaptaram o texto original, transportando a trama do interior inglês para Veneza, acrescentando o elemento do Halloween, reduzindo o número de suspeitos e adicionando algumas tramas secundárias. Além disso, a equipe criativa se dedicou imensamente para trazer um tom aterrorizante em um cenário assustador.

"Não existe lugar mais assobrado do que um palácio veneziano, em sua cidade marcada por sua neblina e suas máscaras, e por aquela atmosfera assustadora na qual você imagina um corpo sendo jogado no rio. Queríamos aproveitar isso e usar essa qualidade assustadora inerente, juntamente com a magia e o esplendor que cerca a cidade, para criar uma noite de Halloween incrivelmente assustadora", explica Green.

 

Além disso, Branagh incentivou sua equipe a assistir vários filmes de terror antes de começar as filmagens, entre eles "A Casa Sinistra" e "Narciso Negro".

 

Homem de terno e gravata andando na rua    Descrição gerada automaticamente

 

Um palácio assustador

Quando se trata de criar uma atmosfera de terror, poucas coisas trazem mais efeito do que um palácio decadente habitado por fantasmas. No filme, este palácio pertence a Rowena Drake (Kelly Reilly), uma renomada cantora de ópera aposentada que é anfitriã de uma festa de Halloween para crianças órfãs da cidade. Aparentemente, o palácio, que era um orfanato onde coisas terríveis aconteceram, é mal-assombrado e foi lá que sua amada filha Alicia morreu há um ano. Na esperança de falar com o espírito da filha, ela organiza uma sessão espírita.

 

Para a equipe por trás do filme, o palácio atuou mais como um personagem. Como diz Branagh, uma inquietação reina ali. "O inesperado está sempre pairando no ar", diz o diretor. Para dar vida ao local, a equipe optou por construir os ambientes do palácio em um set em vez de filmar no local, pois a história é repleta de detalhes assustadores que precisaram ser criados. "Lustres caem, portas abrem sozinhas, água escorre pelas paredes...", enumera o designer de produção John Paul Kelly.

 

A iluminação sombria também contribui para a atmosfera aterrorizante. "O filme foi iluminado naturalmente, usando a luz disponível, que, nesse caso, era uma luz prática. O filme se passa à noite, portanto, a luz ambiente que entra pelas janelas é menor do que a que normalmente entraria em outro filme. E como os sets eram cobertos por um telhado, não havia fontes de luz vindas de cima e tínhamos muitas sombras escuras", explica Kelly.

 

Pessoas sentadas em frente a espelho    Descrição gerada automaticamente

 

Os elementos assustadores presentes na história e na ambientação de "A Noite das Bruxas"  também se manifestam nas experiências vividas pelos personagens. Reunidos entre as paredes do fantasmagórico palácio, suas histórias mais sombrias são reveladas enquanto eles passam por uma noite arrepiante. E, se tiver coragem, o público poderá conhecer seus segredos.

 

A Noite das Bruxas está disponível exclusivamente no Star+.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SexPrivé Club: Nova apresentadora

Cine Gloob apresenta mais de 40 filmes no mês de Maio

​AMC Networks International – Latin America continua desafiando as tendências do mercado