“Intruso”, thriller de Paulo Fontenelle, estreia esta quinta nos cinemas

     

 

Longa traz no elenco Eriberto Leão, Danton Mello, Genezio de Barros, Lu Grimaldi, entre outros

 

Chega aos cinemas esta quinta-feira, dia 31, "Intruso", longa dirigido por Paulo Fontenelle, que traz no elenco os atores Eriberto Leão, Danton Mello, Genezio de Barros, Lu Grimaldi, Juliana Knust, Karla Muga (também responsável pela produção executiva), Charles Daves e Ingrid Clemente.

Com distribuição da Pipa Produções, o thriller conta a história de uma família obrigada a receber em casa um visitante inesperado. Tensos, assustados e cheios de questionamentos, todos tentam manter suas vidas normalmente, mas a chegada desse hóspede, vivido por Eriberto Leão, muda o cotidiano da família ao exigir que certas regras sejam seguidas. Apenas o patriarca e sua esposa, interpretados por Genezio de Barros e Lu Grimaldi, parecem saber o motivo da visita. Ninguém pode deixar o local ou comunicar-se com outras pessoas. Aqueles que quebram as regras são severamente punidos; ninguém pode ajudá-los.

O diretor também assina o roteiro e a montagem. A ideia original era fazer um filme "claustrofóbico", rodado em uma casa antiga, exatamente como descreveu no roteiro, onde uma família passa por tortura psicológica sem entender claramente os motivos que trazem o visitante indesejado até sua moradia. "Se eu puder resumir o filme em uma palavra, seria tensão. Sem dar muito spollier, a cena inicial é lenta de propósito, a pessoa fica esperando algo acontecer e assim chega ao estado psicológico que quero", diz Fontenelle.

Rodado em 2007 em apenas doze dias em Itaipava, região serrana do Rio de Janeiro, "Intruso" foi realizado com recursos próprios de Paulo Fontenelle, sem recorrer a leis de incentivo. "Filmamos com 10 mil reais, com todo o elenco e os profissionais envolvidos trabalhando porque se apaixonaram pelo roteiro. Todos se tornaram um pouco donos do projeto. A filmagem em si foi uma aventura, todos em prol de uma causa, reunidos numa casa, numa imersão total na história. Quando a produção foi realizada, o processo de finalização e copiagem para cinemas ainda era muito caro, mas com o advento da tecnologia e a digitalização das salas, o lançamento de Intruso se tornou possível. Tivemos apoio da Color/Gamma e Cinecolor para finalização", revela o diretor.

Premiado na categoria Melhor Filme pelo Júri Popular no Rio Fantastik Film Festival em 2016, o longa também foi exibido no Festival do Rio (2009) e no Festin Lisboa (2017). "Intruso" é o primeiro trabalho de suspense de Paulo Fontenelle, gênero ainda pouco difundido no cinema nacional.

Fontenelle está curioso para saber como será a receptividade do longa que agora chega às telas: "Não tenho ideia de qual será a reação do público, mas o fato de todos os envolvidos terem ficado felizes com o material final já é maravilhoso. Mesmo daqui a dez ano, 'Intruso' continuará sendo atual. Assistir no cinema potencializa tudo, a magia está ali, a experiência é outra", finaliza o diretor que conta já ter rascunhado uma continuação para o suspense.

"Intruso" é uma produção do Canal Imaginário em coprodução com Target Filmes, Framme, Color/Gamma e apoio da Cinecolor. A distribuição é da Pipa Produções e conta com recursos FSA/BRDE.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

DUPLA DÁ VIDA NOVA A CASAS ABANDONADAS NA SÉRIE “ALISON E DONOVAN: REFORMANDO COM ESTILO”

Paramount Channel Programação Semanal 1º a 07 de abril