Globonews mostra a situação de Brumadinho um ano após a tragédia

Canal também reexibe o documentário "Heróis da Lama', que conta a história do rompimento da barragem pelo olhar dos bombeiros
O ano novo de esperança e sonhos durou menos de um mês para os moradores de Brumadinho, em Minas Gerais. No dia 25 de janeiro de 2019, o rompimento de uma barragem destruiu a cidade, vidas e famílias, causando imensos danos humanitários, ambientais e sociais. Exatamente um ano depois, neste sábado, dia 25, a GloboNews mostra como vivem atualmente os moradores da região, a luta por justiça dos familiares das mais de 200 vítimas, e lembra atos heroicos que marcaram a maior tragédia ambiental da história do Brasil. 

Às 9h será reexibido o documentário "Heróis da Lama', que conta a história do rompimento da barragem pelo olhar dos bombeiros que trabalharam incansavelmente no resgate das vítimas, superando seus limites físicos e emocionais. Entre os personagens, o tenente Pedro Aihara, porta-voz do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais; o capitão Leonard Farah, comandante da Companhia de Busca e Salvamento do batalhão especializado em desastres e emergências; a tenente Alina Gomide, psicóloga da corporação; o soldado Lima Campos, que antes trabalhava na Vale e perdeu cerca de 60 amigos na tragédia; e a major Karla Lessa, primeira comandante de helicóptero de bombeiros do país e uma das primeiras a chegar ao local do rompimento.

Já no 'GloboNews Documento' que vai ao ar às 14h30 o repórter Victor Ferreira volta a Brumadinho e encontra uma cidade que ainda aguarda por justiça e tenta se recuperar do trauma. O programa mostra os locais mais atingidos pela lama, as ações dos próprios moradores para ajudar uns aos outros e a difícil rotina de quem perdeu parentes e pessoas queridas.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pyong Lee fala do seu namoro atual e conta que já apanhou de namorada

​NOVA SAFRA DE “UMA MULHER DE PESO” NO TLC SEGUE WHITNEY THORE EM FASE CRÍTICA DA CARREIRA E NA VIDA PESSOAL

TLC ESTREIA QUARTA TEMPORADA DE “OS BUSBYS + 5”