'Almanaque' apresenta bastidores de documentário sobre a ditadura


 

O ‘Almanaque’ desta semana, que vai ao ar na GloboNews na noite de sábado para domingo, explora o documentário “70”. Com direção de Emília Silveira e roteiro da jornalista Sandra Moreyra, o filme fala sobre o destino de presos políticos que foram libertados em troca do embaixador suíço Giovanni Enrico Bucher, sequestrado por grupos de combate à ditadura em 1970.

 

Emília e Sandra contam bastidores sobre a produção e revelam detalhes da gravação dos depoimentos com 18 militantes libertados. Foram quarenta dias de cativeiro, o mais longo sequestro político da história do país. Em troca da liberdade do embaixador suíço, os sequestradores queriam − e conseguiram − a liberdade de 70 presos políticos. Quarenta anos depois, ‘70’ resgata parte dessa história e aborda questões como quem são eles, como veem o passado, como sobreviveram e como vivem atualmente.

 

O documentário fez parte do Festival do Rio do ano passado, da Mostra Internacional de Cinema de Sao Paulo e do Fest Aruanda, na Paraíba, onde recebeu o Prêmio Especial do Júri e o de Melhor filme de longa metragem pelo Júri Popular. Agora, segue para o Festival de Cinema de Mulheres no Chile, para o Festival do Cinema Brasileiro de Paris e para o Festival Internacional de Documentários de Londres.

O ‘Almanaque’ vai ao ar na GloboNews na madrugada deste sábado para domingo, dia 15, às 00h05.

 

Foto: Emilia Silveira e Sandra Moreyra no ‘Amanaque’ dessa semana.

Crédito: Divulgação/ GloboNews

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SexPrivé Club: Nova apresentadora

Cine Gloob apresenta mais de 40 filmes no mês de Maio

Imersão internacional