Frida Kahlo é analisada em documentário da UnivespTV


Programa aborda a exposição da artista no Brasil e vai ao ar no domingo (22/5), às 18h30, no canal digital 6.2

 

São Paulo, 20 de maio de 2016 – A exposição Frida Kahlo - Conexões entre Mulheres Surrealistas no México, que esteve em cartaz em São Paulo, no Instituto Tomie Ohtake, até janeiro deste ano, ganhou documentário da Univesp TV. Frida Kahlo vai ao ar no domingo (22/5), às 18h30, no canal digital 6.2 (São Paulo e Grande São Paulo) e no sitewww.univesptv.cmais.com.br

O programa é conduzido pelo professor Percival Tirapelli, do Instituto de Artes da Unesp (Universidade Estadual paulista), que percorre a mostra ao lado da repórter Cássia Godoy. Ele analisa a obra da artista mexicana e ressalta a íntima relação com sua vida pessoal. Segundo ele, a própria Frida diz que ela pinta a vida dela.

O professor destaca o surrealismo presente na produção de Frida e fala da diferença do movimento na Europa e no México. No velho continente, as obras apresentavam imagens oníricas, sem efeito na realidade. No país das Américas, essa linguagem é realista, lembrando que a artista pinta a realidade.

Outro destaque é a pintura de natureza morta feita por Frida, que ela considerava natureza viva, por pintar a sua vida na tela. A presença expressiva de autorretrato é mais um ponto analisado pelo professor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

SexPrivé Club: Nova apresentadora

Cine Gloob apresenta mais de 40 filmes no mês de Maio

Imersão internacional