"FAIXA MUSICAL" DO CANAL BRASIL CELEBRA 50 ANOS DE CARREIRA DO MPB4 NESTE SÁBADO COM SHOW INÉDITO E EXCLUSIVO DO GRUPO

MPB4 50 Anos-O Sonho,a Vida,a Roda Viva-baixa (11)


Neste sábado, dia 30 de setembro, às 18h, a "Faixa Musical" do Canal Brasil exibe o inédito e exclusivo "O Sonho, a Vida, a Roda Viva! — MPB4 — 50 Anos ao Vivo". O espetáculo marca os 50 anos de carreira do MPB4, e foi gravado no Teatro Sesc Ginástico, no Rio.

Dirigido por Bernardo Mendonça, é recheado de clássicos da MPB assim como novas composições do grupo formado por Dalmo Medeiros, Paulo Malaguti Pauleira, Aquiles Reis e Miltinho.

"O SONHO, A VIDA, A RODA VIVA! – MPB4 – 50 ANOS AO VIVO" (2017) (81') 
Horário: Sábado, dia 30 de setembro, às 18h
Classificação: Livre
Inédito e exclusivo
Direção: Bernardo Mendonça
Sinopse: Meio século depois de cantar "Roda Viva" com Chico Buarque, o conjunto hoje formado por Dalmo Medeiros, Paulo Malaguti Pauleira, Aquiles Reis e Miltinho continua encantando plateias por todo o país. 

O espetáculo traz uma série de clássicos da MPB e canções novas compostas pelo quarteto. Roda Viva, que impulsionou a carreira do conjunto, abre o espetáculo, seguida por Oração ao Tempo, de Caetano Veloso, e Almanaque, de Chico Buarque. Milagres, de Breno Ruiz e Paulo César Pinheiro, dá início ao repertório novo, também composto por A Voz na Distância, de Paulo Malaguti Pauleira, Desossado, de João Bosco e Francisco Bosco, e A Ilha, escrita pela dupla gaúcha Kleiton & Kledir, que faz participação especial. Canções como Partido Alto, Cálice, Conversa com o Coração, Cicatrizes, Vira Virou, Amigo É pra Essas Coisas, Apesar de Você e Samba do Avião completam o set, com interpretações de grandes compositores da música nacional.
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

“QUILOS MORTAIS” CHEGA À QUINTA TEMPORADA COM NOVAS HISTÓRIAS DE LUTA CONTRA OBESIDADE MÓRBIDA

INVESTIGADOR PARTICULAR FAMOSO POR SUAS ARTIMANHAS, BRIAN WOLFE RECONSTITUI CASOS DE SEU ARQUIVO EM SÉRIE INÉDITA

BIS estreia terceira temporada de "Versões" em 19 de julho