COM ESTREIA EM 6 DE OUTUBRO, A SÉRIE ORIGINAL DISNEY+ “RUMO ÀS ESTRELAS” APRESENTA UM OLHAR RARO SOBRE O VASTO MUNDO DA NASA

 

Com todos os seis episódios disponíveis na estreia, a série acompanha o astronauta da NASA, Capitão Chris Cassidy, e uma equipe de engenheiros, controladores de voo e especialistas em sua última missão no espaço

 

Trailer: https://youtu.be/CpabqwVDlfY

 

SÃO PAULO, 28 DE SETEMBRO DE 2021 – Hoje, o Disney+ revelou sua mais nova série original Rumo às Estrelas, que estreia na segunda-feira, 6 de outubro, com todos os episódios, exclusivamente na plataforma. A série documental, produzida pela Fulwell 73, apresenta o astronauta da NASA Capitão Chris Cassidy ao embarcar em sua última missão. Através de filmagens íntimas, diários pessoais em vídeo e filmagem em livestream – tanto na Terra como no espaço – a produção mostra também a importância da equipe de engenheiros, controladores de voo e especialistas, que assumem missões perigosas e inspiradoras como essa para o bem maior.

 

Acompanhando os sucessos e fracassos das equipes ao longo de dois anos, Rumo às Estrelas oferece acesso aos bastidores da missão da NASA de reparar uma experiência científica de 2 bilhões de dólares, o Espectrômetro Magnético Alpha (AMS, por sua sigla em inglês), que tem como objetivo revelar as origens do universo. Para consertar o AMS, Cassidy e sua equipe devem empreender uma série de complexas caminhadas espaciais, mas a história rapidamente se torna um conto sobre a equipe mais ampla da NASA, seus papéis nesta ousada missão e a busca coletiva pelo sucesso.

 

Filmada com diferentes agências espaciais em todo o mundo – do Centro Espacial Johnson da NASA em Houston (Texas) à Agência Espacial Europeia em Colônia (Alemanha), passando pela Agência de Exploração Aeroespacial Japonesa nos arredores de Tóquio e a Agência Espacial Russa em Star City – os espectadores são transportados ao redor do mundo enquanto acompanham o Capitão Cassidy em seu treinamento para partir para Estação Espacial Internacional. Com sua equipe em terra sob imensa pressão para finalizar tudo, sua última missão logo se torna incerta à medida que o mundo entra em isolamento pela COVID-19.

 

Rumo às Estrelas vai além dos trajes espaciais, apresentando os astronautas e engenheiros de todo o mundo, incluindo o astronauta parceiro de Cassidy, Luca Parmitano, da Agência Espacial Europeia; Drew Morgan, um astronauta novato da NASA que tem a chance de uma vida inteira de reparar o MAS; Emily Nelson, diretora de voo do MAS e 10ª diretora mulher de voo da NASA; Heather Bergman, gerente de ferramentas de caminhada espacial do AMS da NASA , que lidera uma equipe dedicada a criar ferramentas de caminhada espacial; o professor Samuel Ting, vencedor do Prêmio Nobel por descobrir a partícula subatômica e inventor do AMS; e Ken Bollweg, gerente de projeto do MAS, que trabalhou lado a lado com o professor Ting na experiência AMS desde seu início, há 25 anos.

 

A série captura o último baluarte da era anterior de viagens espaciais através de astronautas de ônibus espacial, atravessa o que o futuro reserva com os planos da NASA de retornar à lua e suas novas parcerias comerciais empurrando as agências ainda mais para o espaço.

 

Produzida pela Fulwell 73 Productions para o Disney+, Rumo às Estrelas tem Ben Turner como diretor e produtor executivo, além de Gabe Turner, Leo Pearlman, Will Gluck e Richard Schwartz que também atuam como produtores executivos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto