Uma câmera na mão e uma ideia na cabeça. Festival 125 Anos de Cinema reúne obras do Cinema Novo Brasileiro


Com influência de movimentos estrangeiros como a Nouvelle Vague e o Neorrealismo Italiano, o Cinema Novo Brasileiro surgiu em resposta às chanchadas, arte popularizada no país que imitava o estilo hollywoodiano de fazer comédias e musicais. Glauber Rocha, Nelson Pereira dos Santos e outros jovens cineastas com recursos limitados, mas com ideias e estilos próprios, trouxeram a realidade social, política e econômica do Brasil para o cinema nos anos 1960 e 1970. No domingo (25), o movimento que foi um marco na indústria cultural do país ganha destaque no Festival 125 Anos de Cinema, que vai ao ar sempre aos domingos no Telecine Cult e está disponível a qualquer momento na plataforma de streaming.

Destaque para Deus e o Diabo na Terra do Sol, obra-prima de Glauber Rocha indicada à Palma de Ouro no Festival de Cannes de 1964, assim como Terra em Transe O Dragão da Maldade Contra o Santo Guerreiro, produções do diretor que também receberam indicações ao prêmio; Vidas Secas de Nelson Pereira dos Santos, longa baseado no livro homônimo de Graciliano Ramos; e Macunaíma de Joaquim Pedro de Andrade, adaptação do romance de Mário de Andrade.

Filmes do Cinema Novo Brasileiro estão disponíveis na cinelist Festival 125 Anos de Cinema no streaming do Telecine, hub de cinema mais completo do país, que reúne mais de dois mil títulos em seu catálogo. Os primeiros 30 dias de acesso ao aplicativo de filmes são gratuitos para novos usuários.

DOMINGO (25)

Festival 125 Anos de Cinema: Cinema Novo Brasileiro

Rio, 40 Graus
No Telecine Cult, dia 25, às 10h40


A trama acompanha cinco jovens moradores da favela que, em um dia de verão carioca, vivem os desafios de trabalhar vendendo amendoim em Copacabana, no Pão de Açúcar e no Maracanã. Primeiro longa-metragem de Nelson Pereira dos Santos, a obra faz parte do Cinema Novo Brasileiro, movimento popularmente conhecido pelo lema "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça".

Direção: Nelson Pereira dos Santos
Elenco: Modesto De Souza, Roberto Bataglin, Jece Valadão, Ana Beatriz, Glauce Rocha
Brasil. 1955. Drama. 91 min.
Link no Telecine


Rio, Zona Norte
No Telecine Cult, dia 25, às 12h25


Espírito da Luz é um sambista carioca que cai de um trem lotado próximo à estação Central do Brasil e bate a cabeça. Inconsciente, ele relembra sua luta para viver do samba, dramas familiares e vida amorosa. Do cineasta Nelson Pereira dos Santos. A obra faz parte do Cinema Novo brasileiro, movimento popularmente conhecido pelo lema "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça".

Direção: Nelson Pereira dos Santos
Elenco: Grande Otelo, Jece Valadão, Malu Maia, Zé Keti, Angela Maria
Brasil. 1957. Drama. 83 min.
Link no Te lecine


Vidas Secas
No Telecine Cult, dia 25, às 14h


Baseado no livro homônimo de Graciliano Ramos. Em meio à seca que assola o Nordeste na década de 1940, Fabiano e sua família atravessam o sertão em busca de uma vida melhor. É quando eles encontram as terras do fazendeiro Miguel, onde ficam trabalhando por um tempo. Indicado à Palma de Ouro em Cannes. De Nelson Pereira dos Santos, a obra faz parte Cinema Novo Brasileiro, movimento popularmente conhecido pelo lema "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça".

Direção: Nelson Pereira dos Santos
Elenco: Átila Iório, Maria Ribeiro, Orlando Macedo, Gilvam Lima, Genivaldo Lima, Joffre Soares
Brasil. 1964. Drama. 100 min.
Link no Tele cine


Macunaíma
No Telecine Cult, dia 25, às 15h55


Macunaíma nasceu em "Pai da Tocandeira", em Roraima. Negro, ele é transformado em um homem branco após se banhar em um riacho mágico. Sempre irreverente, o "herói sem caráter" deixa o sertão em direção à cidade, onde passará por poucas e boas em nome de suas estripulias. Baseada no livro de Mário de Andrade e dirigida por Joaquim Pedro de Andrade, a obra faz parte do Cinema Novo Brasileiro. O movimento ficou popularmente conhecido pelo lema "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça".

Direção: Joaquim Pedro de Andrade
Elenco: Grande Otelo, Paulo José, Dina Sfat, Milton Gonçalves, Jardel Filho, Rodolfo Arena, Joana Fomm
Brasil. 1969. Comédia. 103 min.
Link no Telec ine


Terra Em Transe
No Telecine Cult, dia 25, às 17h50


De Glauber Rocha, este filme é um de seus mais relevantes feitos para o Cinema Novo Brasileiro, movimento popularmente conhecido pelo lema "uma câmera na mão e uma ideia na cabeça". A trama acompanha o escritor Paulo Martins que decide apoiar o centralizador Porfírio Diaz em sua busca pelo comando de Eldorado, na América Latina. Indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Direção: Glauber Rocha
Elenco: Jardel Filho, Paulo Autran, José Lewgoy, Sônia Clara, Joffre Soares, Paulo Gracindo, Danuza Leão, Mário Lago, Glauce Rocha
Brasil. 1967. Drama. 107 min.
Link no Tel ecine


Deus e o Diabo na Terra do Sol
No Telecine Cult, dia 25, às 19h50


Manoel é um pobre sertanejo que, num momento de revolta, mata o coronel que não cumpriu o combinado sobre a partilha de um gado. Obrigado a fugir, ele e sua esposa Rosa se unem a um grupo religioso enquanto entram na mira do assassino de aluguel Antônio das Mortes. Obra-prima de Glauber Rocha, o filme indicado à Palma de Ouro em Cannes é um dos grandes marcos do Cinema Novo Brasileiro.

Direção: Glauber Rocha
Elenco: Geraldo Del Rey, Yoná Magalhães, Othon Bastos, Maurício Do Valle, João Gama, Antônio Pinto, Sonia Dos Humildes, Milton Rosa, Roque
Brasil. 1964. Drama. 118 min.
Link no T elecine


O Dragão Da Maldade Contra O Santo Guerreiro
No Telecine Cult, dia 25, às 22h


De Glauber Rocha, a obra é uma das mais simbólicas do Cinema Novo Brasileiro. Ela acompanha Antonio das Mortes, personagem apresentado em "Deus e o Diabo na Terra do Sol". Na trama, o matador de aluguel aceita eliminar um grupo de cangaceiros que promoveu uma invasão ao Jardim das Piranhas. No entanto, uma revelação sagrada acaba fazendo com que o sertanejo reavalie suas prioridades. Indicado à Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Direção: Glauber Rocha
Elenco: Maurício Do Valle, Odete Lara, Othon Bastos, Joffre Soares, Rosa Maria Penna, Mário Gusmão, Vinícius Salvatori
Brasil. 1969. Drama. 99 min.
Link no Telec ine

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

RELACIONAMENTO EXPLOSIVO DE CHANTEL E PEDRO É TEMA DE SÉRIE INÉDITA NO TLC

SÉRIE INÉDITA DO TLC ACOMPANHA CASAIS QUE COMEÇARAM SUAS HISTÓRIAS DE AMOR DENTRO DA CADEIA