Filme “Andor” estreia na 46ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo


Dirigido por Vitor Vilaverde Dias, documentário resgata a história do único brasileiro sobrevivente ao Holocausto; a distribuição é da O2 Play com produção da Querô.

Poster do filme "Andor" de Vitor Vilaverde Dias.



 

São Paulo, outubro de 2022- A 46ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo exibe no dia 27 de outubro e 01 de novembro o documentário "Andor" de Vitor Vilaverde Dias. Na história, vemos Andor Stern, único brasileiro sobrevivente ao Holocausto, que viaja em sua memória para reviver a deportação para Auschwitz aos 16 anos, e a superação diária de uma vida em liberdade. Veja o trailer aqui.


 

Com distribuição da O2 Play e produção da Querô, instituição sem fins lucrativos que busca promover o acesso à arte e a cultura e estimular a transformação humana e cidadã de jovens de baixa renda e comunidades por meio da capacitação audiovisual, o longa-metragem surgiu após a aluna Nathalia Midori se interessar pelo biografia de Andor Stern e levar o assunto a produtora Querô.


 

"O público pode esperar um filme sensível, realizado com muito carinho. Tomamos o cuidado de ouvir as mensagens que Andor espalhou por anos em suas palestras, e traduzimos isso em imagens. Também esperamos uma estreia emocionante, pois infelizmente perdemos Andor em abril. O documentário nos lembra dos perigos do ódio como instrumento político, e da memória como instrumento de superação contínua desse ódio", declara Vitor Vilaverde Dias, ex-aluno do Querô e doutorando em Estudos Culturais.

 

As gravações ocorreram em São Paulo e em Budapeste- mais especificamente em Ujpest- onde o protagonista passou a infância. Além dos campos de concentração de Auschwitz-Birkenau, que hoje é um museu, onde primeiramente Andor se tornou prisioneiro.


 

Filho de pais imigrantes, Stern se mudou para a Hungria, terra natal paterna, quando era criança. Aos 13 anos, durante a Segunda Guerra, ele foi detido pelas autoridades húngaras por ser brasileiro (o Brasil se juntou aos países aliados, inimigos do Eixo Alemanha/Japão e Itália). Sua mãe, avós, tio e tia grávida foram mortos em câmaras de gás no campo. Além de Auschwitz, Andor vivenciou os horrores da guerra no campo de concentração de Dachau.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NICKELODEON ESTREIA SPYDERS

Pode preparar a pipoca!

Influenciadora Stephanie Silveira posta fotos sensuais do seu dia a dia na Privacy