History estreia programação especial sobre os 20 anos dos ataques de 11 de setembro


Cinco novos documentários, com depoimentos inéditos e material exclusivo, abordam as teorias conspiratórias sobre os atentados nos Estados Unidos, os quatro voos sequestrados pelos terroristas, a história das Torres Gêmeas, o ataque ao Pentágono e a caçada a Bin Laden


11/9: TEORIAS DA CONSPIRAÇÃO - SEXTA-FEIRA, 10/9, 20h15

11/9: OS QUATRO VOOS FATAIS - SEXTA-FEIRA 10/9, 22h

11/9: ATAQUE AO PENTÁGONO - SÁBADO, 11/9, 19h45

WORLD TRADE CENTER: ANTES E DEPOIS DA QUEDA - SÁBADO, 11/9, 20h40

CAÇADA A BIN LADEN: A MISSÃO REVELADA - SÁBADO, 11/9, 22h20


Imagens e promos em português
http://www.aeolepresskits.com/Especial911/galeria-de-imagenes/

Quando a História faz história, o rigor informativo, o acesso a fontes inéditas e a qualidade do registo documental, da edição e da narrativa, são essenciais para relembrar um acontecimento que se destaca: os 20 anos do 11 de setembro. History é a voz autêntica a rememorar o ataque ao World Trade Center, um evento de tal magnitude que tirou o fôlego do planeta quando o calor incandescente e uma nuvem colossal de detritos nublaram Manhattan. Aeronaves comerciais, utilizadas como mísseis terroristas, detonaram as Torres Gêmeas e parte do Pentágono, deixando uma cicatriz incurável para a Humanidade.

Por 20 anos, o History exibiu mais de 70 horas de programação inédita sobre os ataques terroristas e produziu mais de 60 peças de conteúdo digital original. Uma visão de vários ângulos dos eventos, que levou o canal a receber quatro prêmios Emmy por 102 minutos que mudaram o mundo, o magnífico documentário de 2009 que reuniu imagens de mais de 100 fontes individuais.

Agora, nessa importante data histórica, o History apresenta com exclusividade uma programação que reúne sete horas de filmagens, dividida em cinco especiais que vão ao ar nos dias 10 e 11 de setembro: 11/9: Teorias da Conspiração (The 9/11 Conspiracies Fact or Fiction)11/9: Os Quatro Voos Fatais  (9/11: Four Flights)11/9: Ataque ao Pentágono (9/11: The Pentagon)World Trade Center: Antes e Depois da Queda (Rise and Fall: The World Trade Center) Caçada a Bin Laden: A Missão Revelada (Revealed: The Hunt of Bin Laden).

Além disso, os documentários 102 minutos que mudaram o mundo, 11/9 Código Angel, Os Últimos Minutos do Voo 93, Dias que marcaram a história e ISIS: Terrorismo Extremo estão disponíveis no VOD do History 2.

Para relembrar o atentado, que tirou a vida de quase três mil pessoas, registrou mais de 25 mil feridos e antecedeu a Guerra do Afeganistão, o documentário 11/9: Teorias da Conspiração enfoca as questões que se repetem hoje em dia e dão origem a teorias de conspiração mais descabidas (e não). Ao longo de 90 minutos, busca responder, por exemplo, se uma série de detonações controladas poderia ter sido o fator crucial na queda das Torres Gêmeas. Eles foram patrocinados pelo governo Bush? Será que um míssil do governo atingiu a face oeste do Pentágono? O último dos voos - que tinha como destino o Capitólio – e caiu em um campo em Shanksville (Pensilvânia), foi abatido por aviões militares?

Os números 11, 175, 77 e 93 nunca mais foram os mesmos desde setembro de 2001. São os números dos voos das companhias American Airlines e United Airlines que estiveram envolvidas no maior atentado suicida no mundo ocidental. Em 11/9: Os Quatro Voos Fatais, a jornada fatídica de cada uma dessas viagens é registrada por meio da história dura de mães, pais, filhos, viajantes frequentes ou novatos e as tripulações que desempenharam papéis heroicos à mercê dos terroristas a bordo. Cada história dramática tem apoio de evidências documentais surpreendentes: gravações de áudio enviadas pelas vítimas a seus entes queridos, informações da caixa preta, entrevistas com parentes de alguns dos falecidos, bem como a troca de mensagens entre a cabine e os controladores de tráfego aéreo.

Exatamente sessenta anos antes do ataque às Torres Gêmeas (e três meses antes da invasão de Pearl Harbor, em dezembro de 1941), o Departamento de Guerra dos Estados Unidos iniciou a construção do Pentágono, um dos alvos dos terroristas de 11 de setembro, impactado pelo voo 77 American Airlines. Esse ataque é detalhado em 11/9: Ataque ao Pentágono, documentário de uma hora que retrata, por meio da história do Coronel Paul "Ted" Anderson e Marilyn Wills - testemunhas do fato -, o colapso que deixou um saldo de 189 mortos. "Meu primeiro pensamento foi que era uma bomba. Um segurança me alertou para ter cuidado ao abrir as portas de saída, temendo que a bomba fosse uma forma de assustar as pessoas para fora do prédio para que os terroristas pudessem nos matar", lembra Anderson.

Nesta saga de documentários, o History oferece também uma visão e um contexto arquitetônico do evento: a construção das Torres Gêmeas e o que isso significou para a malha urbana da Big Apple. World Trade Center: Antes e Depois da Queda, responde a várias perguntas importantes em sua duração de duas horas. Por que os prédios caíram tão rápido? A falta de proteção contra incêndio foi um fator, uma vez que apenas alguns andares estavam totalmente protegidos? A antena da Torre Norte caindo dentro do prédio antes do resto do colapso, significa que o design inovador do núcleo central foi um ponto fraco? Por oito anos, a construção das torres redefiniu o horizonte de Nova York, como um dos marcos de Manhattan. Mas essas maravilhas modernas abrigaram uma história marcada pela tragédia, desde suicídios e roubos, até atentados, como o que ocorreu também em 1993. O especial analisa a engenharia da massa dupla de pouco mais de 400 metros de altura e, com o uso de elementos históricos e gráficos, especialistas em construção e design são entrevistados para revelar as maravilhas e vulnerabilidades desses edifícios insuperáveis.

A sequência da série de documentários termina com Caçada a Bin Laden: A Missão Revelada, que narra os detalhes da operação para prender o então líder do grupo terrorista Al-Qaeda. Graças ao acesso sem precedentes aos arquivos do "9/11 Memorial & Museum", para a inteligência e militares dos EUA, a operação que encontrou Osama Bin Laden pôde ser reconstruída passo a passo. O documentário de uma hora e meia de duração inclui depoimentos exclusivos, como os dos ex-presidentes George Bush ("Ninguém sabia o que estava acontecendo. Ninguém poderia imaginar quatro aviões atacando cidades americanas"), Barack Obama, a ex-secretária de Estado Condoleezza Rice e, pela primeira vez, a palavra de agentes disfarçados, analistas de inteligência e membros das forças SEAL.

"Os Estados Unidos não esquecem que somos resistentes, e caso nos prejudiquem, a justiça será feita", afirma Obama no documentário e, assim, se travou a operação de vingança que cruzou o Atlântico para chegar a um misterioso complexo em Abbottabad, Paquistão, sem a certeza de que Bin Laden estaria lá. O diretor da CIA, Leon Panetta, o comandante da missão (almirante William McRaven) e Hillary Clinton, secretária de Estado, contribuíram com suas vozes para este documentário cheio de tensão com um arquivo de imagens inestimável.

Com estes cinco documentários inéditos, o History apresenta um material jornalístico único sobre uma ferida que marcou o futuro da Humanidade.


Sobre cada especial


Sexta-feira 10/9

20h15 - 11/9: Teorias da Conspiração (The 9/11 Conspiracies Fact or Fiction)

Será que um míssil do governo atingiu o Pentágono? As torres do World Trade Center poderiam ter sido derrubadas por uma série de demolições patrocinadas pelo governo? A administração Bush realizou os ataques para defender seus próprios interesses? Embora essas ideias pareçam ultrajantes, um grande número de pessoas acredita nelas. Uma busca na Internet por "teorias da conspiração do 11 de setembro" dá quase dois milhões de resultados. Enquanto os teóricos da conspiração mais radicais são apenas um elemento marginal da sociedade, a Internet ajuda a espalhar suas ideias de forma rápida e ampla, e dezenas de livros foram publicados sobre várias teorias. As teorias da conspiração, verdadeiras ou não, tornam-se parte do registro histórico. Este especial mostra como essas teorias se consolidaram e com que rapidez se espalharam. São ouvidos aqueles que os promovem e os que os desafiam.

Classificação Indicativa: 12 anos


20h15 - 11/9: Os Quatro Voos Fatais 
(9/11: Four Flights)

A maioria conhece bem a história de 11 de setembro. Mas para quem estava no ar naquele dia, a história é menos conhecida, mas infinitamente mais aterrorizante. O especial conta a história dos quatro voos condenados em 11 de setembro, cada um com mães e pais, filhos e filhas, maridos e esposas, passageiros frequentes e novatos e tripulantes desavisados e heroicos. A produção detalha os últimos momentos dos voos por meio de impressionantes evidências documentais: gravações de áudio, informações das caixas pretas, manifestos de voo, radar Doppler, áudios e vídeos de memórias das vítimas que documentaram o que sentiram naquele momento aterrorizante, além de vídeos feitos na terra. Este documentário de duas horas é contado por meio das perspectivas daqueles passageiros e tripulantes cujas vozes foram capturadas em transmissões de rádio, telefonemas e outras mídias; o depoimento de mais de duas dezenas de entrevistas com entes queridos e familiares que falam pela primeira vez ao History para contar como foi aquele momento. A linha do tempo de cada voo mostra o que esse ataque terrorista significou para um mundo transformado. Pela primeira vez, a história do que aconteceu nesses quatro voos é contada em uma narrativa emocionante mostrando os detalhes dos voos 11, 175, 77 e 93. Além dessas histórias, o especial revelará conexões entre passageiros de um voo e de outro, entre vítimas no ar e testemunhas em terra, e até mesmo entre amigos, familiares e estranhos que compartilhavam laços que só se tornaram claros quando o horror acabou. Esses links ilustram não apenas o horror do 11 de setembro, mas também a maneira como as pessoas se reuniram e tomaram decisões corajosas naquele dia inesquecível.

C.I. 14

Sábado, 11/9

19h45 - 11/9: Ataque ao Pentágono (9/11: The Pentagon)

Em 11 de setembro de 1941, o Departamento de Guerra dos Estados Unidos iniciou a construção de um novo quartel-general de cinco lados que se tornaria o último símbolo das Forças Armadas dos Estados Unidos. Passados 60 anos após o início da construção, um avião sequestrado bateu no prédio como parte do maior ataque terrorista coordenado já realizado em solo americano. Contada pelos homens e mulheres que a viveram, esta é a dramática história do que aconteceu dentro do edifício nos angustiantes minutos após o impacto; um relato de testemunha ocular da tragédia, heroísmo e sobrevivência no dia que transformou para sempre uma nação.

C.I. 14


20h40 - 
World Trade Center: Antes e Depois da Queda
 (Rise and Fall: The World Trade Center)

O especial é uma exploração abrangente do maior projeto arquitetônico do século XX. A busca para construir os edifícios mais altos do mundo, duas torres de 10 milhões de pés quadrados, parecia incompreensível. Ainda assim, com a visão de homens poderosos como David Rockefeller, o sonho se tornou uma realidade poderosa.

As Torres Gêmeas são mais do que dois arranha-céus, são um sonho, uma ideia, uma cidade em si. As maquetes eram tão grandes que foram necessários quatro homens para carregá-las. E era muito alta para caber em pé na sala. É um lembrete para arquitetos, engenheiros e construtores: a escala das Torres Gêmeas torna-as sem precedentes, e muitas suposições e regras da ciência da construção terão que ser descartadas e reescritas. Novas tecnologias terão que ser inventadas e novos métodos desenvolvidos. E cada uma dessas decisões terá ramificações ao longo da vida dos edifícios e desempenhará um papel em seu eventual desaparecimento. Conforme contado por meio de duas dúzias de entrevistas com aqueles que conheciam as Torres Gêmeas melhor do que ninguém, este documentário conta a poderosa história daqueles que ajudaram a criá-las e construí-las, que trabalharam nelas e as admiraram.

Como uma característica do horizonte da cidade de Nova York, as Torres Gêmeas pareciam tão poderosas e atemporais quanto as Grandes Pirâmides. Mas, embora tenham sido uma conquista incrível da engenharia, ensinaram tanto em sua destruição quanto em sua construção. O WTC foi um incrível centro de operações quase como uma verdadeira cidade dentro de uma cidade, com cerca de 50 mil pessoas passando por suas portas todos os dias, e local de drama e intriga desde o início (incêndios criminosos, suicídios, a máfia) As torres aparecem e desaparecem em menos de três décadas. Construída ao longo de oito anos com mais de 10.000 homens e mulheres, sua própria existência é polêmica, em parte devido à sua aparência gigantesca. Eles são totalmente diferentes de qualquer arranha-céu anterior, não apenas em altura, mas fundamentalmente em seu design e meios de construção: paredes externas de aço flexíveis que podem se torcer com o vento; a imensa escavação conhecida como "banheira" que funcionava como represa para impedir as toneladas de água do Hudson; a invenção ou o primeiro uso de uma dúzia de tecnologias que vão desde um sistema de elevador de última geração a amortecedores eólicos e novas ligas de aço; um projeto de núcleo central que permite uma metragem quadrada mais lucrativa do que qualquer projeto anterior. A opinião pública sobre as torres evoluiu ao longo dos anos, as tornaram um ícone. Apesar disso, os prédios têm um longo histórico de problemas de segurança, incluindo desde o início o medo de um acidente de avião e a falta de sprinklers, entre outros equipamentos (o que inspirou o filme As Torres Gêmeas), além de passar por incêndios, suicídios, roubos e até terrorismo antes do 11 de setembro.

A segunda parte do especial investiga a "Queda" e analisa como os aviões colidiram com as torres e como o projeto dos edifícios se prestou tanto à salvação quanto à destruição, com chamas viajando pelos núcleos centrais do elevador, escadas externas que fornecem rotas de fuga e até mesmo o design oco dos edifícios, que contribuiu para o seu colapso.

Naquela terrível manhã, ambos os aviões ultrapassaram seus alvos em menos de sete décimos de segundo, esmagados por uma nuvem de combustível em chamas e milhares de pedaços de destroços, alguns ejetados de edifícios, incluindo um trem de pouso que foi encontrado a cinco quarteirões de distância. As torres foram testadas brutalmente e não resistiram. Ambas desabam em duas horas. Mais de 2.600 pessoas morreram. Por que os prédios caíram tão rápido? Que aspectos únicos de seu design salvaram vidas naquele dia e quais acabaram custando a vida de outros? A falta de proteção contra incêndio foi um fator (apenas alguns andares foram totalmente protegidos devido a uma modificação) ou a força brutal dos impactos abalaria qualquer proteção contra incêndio? As fotos mostram a antena da Torre Norte caindo no prédio antes do resto do colapso. Isso significa que o projeto inovador do núcleo central foi um ponto fraco? As paredes externas, que forneciam grande parte da resistência dos edifícios, eram possivelmente uma falha? Os projetos das escadas eram problemáticos, e em número insuficiente, causando a perda de quase todas as pessoas localizadas acima dos impactos? Será que a decisão de acorrentar as portas do teto, feita para deter suicídios, selou o destino dos que estão nos andares superiores? Que decisões e que lições foram aprendidas e aplicadas a outros edifícios devido a essa perda terrível? Haverá outra construção a sua altura?

C.I. 12


22h20 - 
Caçada a Bin Laden: A Missão Revelada
 (Revealed: The Hunt of Bin Laden)

Este documentário oferece um relato abrangente da história, ligando política, inteligência e tomada de decisões militares após dez anos de esforços para encontrar Osama Bin Laden, o homem responsável pelos ataques de 11 de setembro e líder do grupo terrorista Al-Qaeda. Com acesso sem precedentes ao 9/11 Memorial & Museum e à inteligência americana, o especial reflete como o presidente Barack Obama ordenou que um pequeno grupo de SEALs da Marinha invadisse um misterioso edifício paquistanês em Abbottabad, sem ter certeza de que Bin Laden estava lá. Apresenta entrevistas com o presidente Obama, o diretor da CIA Leon Panetta, o comandante da missão, almirante William McRaven, a secretária de Estado Hillary Clinton e, pela primeira vez, agentes militares disfarçados, analistas de inteligência, pilotos do Exército selecionados para realizar o ataque e membros das forças SEAL, revelando os riscos e tensões de uma missão cujo propósito era claro, mas cujo resultado era incerto.

C.I. 14

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto