Chinaina lança o EP "Carnaval da Vingança"


O artista também anuncia a segunda temporada da série "Caça Joia"




"Carnaval da Vingança" é o novo EP do músico, cantor e compositor Chinaina (nome artístico do pernambucano Flávio Augusto Câmara, que até pouco tempo atrás assinava como China), que já está disponível nas principais plataformas digitais através do selo Pedra Onze. O repertório mescla músicas inéditas e regravações de duas de suas composições mais conhecidas. 

"Carnaval da Vingança" é o sexto trabalho solo de Chinaina e combina duas de suas referências seminais: o frevo e o hardcore. O som que irrompe dos alto-falantes catapulta o ouvinte direto para o meio da folia do carnaval pernambucano. A atmosfera festiva é contagiante. Mérito da produção, conduzida com propriedade pelo próprio artista, frequentador assíduo das festas de rua de sua cidade natal, Olinda, e que sempre observou aquele peculiar conjunto de regras e atitudes carnavalescas sob uma ótica moldada desde cedo pelo punk rock.

O EP abre com a inédita "Carnaval Infinito", samba-reggae escrito em parceria com a multi-instrumentista Michelle Abu. A música já ganhou um videoclipe, que estreou hoje (3) no YouTube. Na sequência, Chinaina divide os vocais com Felipe S. na nova versão do sucesso do Mombojó, "Deixe-se Acreditar". A terceira faixa é "Hardcore Brasileiro", lançada originalmente em 1999 pela banda Sheik Tosado, que ganha releitura com orquestra regida pelo maestro Nilsinho Amarante. Com intenção de roda de pogo, acelerando o passo dos habituais 150 BPM para 180 BPM, a música comprova definitivamente a tese de que o hardcore brasileiro é o frevo. O encerramento de "Carnaval da Vingança" traz a participação especial de Cannibal, vocalista da lendária banda Devotos, em "Virando Papangú", a outra inédita do EP. A arte da capa e o projeto gráfico são de autoria de outro integrante da Devotos, Neilton Carvalho.
 
E as novidades não param por aí: está confirmada a segunda temporada de "Caça Joia", série na qual o apresentador Chinaina promove uma busca frenética por talentos musicais da cena independente brasileira. A primeira temporada, dirigida por Pamella Gachido e produzida pela Pedra Onze, está disponível no Globoplay e no Canal Futura.

Ficha Técnica
Produzido, gravado e editado por Chinaina entre janeiro e julho de 2021 no estúdio Pedra Onze (SP)
Faixas 2 e 4 gravadas por André Oliveira no estúdio Muzak (PE)
Mixado e masterizado por Buguinha Dub no Novo Mundo (PE)
Voz de Cannibal gravada por Pierre Leite no estúdio Lombra (PE)
Arranjos e direção musical: Nilsinho Amarante  
Capa e projeto gráfico: Neilton Carvalho
Produção executiva: Pamella Gachido

1. "Carnaval Infinito" (Chinaina/ Michelle Abu)
Chinaina: voz, hihat, caxixi, TR 808, baixo, violão e berimbau
Michelle Abu: surdo, agogô, congas e timbal
Thathi: bandolim 
Buguinha Dub: programação

2. "Deixe-se Acreditar" (Chinaina/ Felipe S./ Marcelo Campello)
Chinaina: voz
Felipe S.: voz
Nilsinho Amarante: trombone 
Tostão Queiroga: surdo, caixa, pandeiro e pratos
Alex Santana: tuba 
Fabinho Costa: trompete
Gilberto Pontes: sax tenor e alto

3. "Hardcore Brasileiro" (Chinaina/ Bruno Ximarú/ Hugo Carranca)
Chinaina: voz
Nilsinho Amarante: trombone 
Tostão Queiroga: surdo, caixa, pandeiro e pratos 
Alex Santana: tuba
Fabinho Costa: trompete
Gilberto Pontes: sax tenor e alto
Tom Dornelas e Pamella Gachido: coro
   
4. "Virando Papangú" (Chinaina/ Cannibal)
Chinaina: voz, baixo, programação, sample e coro 
Cannibal: voz
Matheus Câmara: programação 
Buguinha Dub: pandeirola 
Estevan Sinkovitz: guitarra
Pamella Gachido: coro 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NICKELODEON ESTREIA SPYDERS

Formula E

Pode preparar a pipoca!