JÁ ESTÁ DISPONÍVEL NO YOUTUBE 2O EPISÓDIO DO ELAS.LAB, QUE TRAZ A TRAJETÓRIA DA PRIMEIRA DIRETORA DA FIOCRUZ BAHIA

 

Série conta a história três cientistas brasileiras, destacando seus trabalhos, e visa incentivar meninas conhecer a ciência.

 

 

 

 

TRAILER

 

EPISÓDIO

 

 

 

 

 

Já está no ar, no canal no Youtube do instituto AzMinas, o 2o episódio da série Elas.Lab, que traz como protagonista Marilda de Souza Gonçalves, farmacêutica e primeira diretora mulher, negra e não-médica da Fiocruz Bahia. O filme, dirigido por Helena Bertho e Pétala Lopes, conta com o depoimento em primeira pessoa da cientista, que resgata sua trajetória, que a tornou uma das maiores referências no país na pesquisa da doença falciforme. 

 

 

A partir de cada um dos episódios, em sala de aula, é possível não apenas apresentar a profissão da cientista, como também levantar diversas questões sobre o trabalho e a pesquisa dela, com o intuito de incentivar a curiosidade das alunas sobre esse trabalho, para quem possam ver com uma possível carreira a seguir em seus futuros.

 

O filme final da primeira temporada da série, entra no Youtube na próxima 4a (09/03), e tem como protagonista a engenheira Fernanda Palhano, de Natal (ES), que trabalha na pesquisa do uso de psicodélicos para o tratamento de doenças psiquiátricas.

 

Também já está disponível no canal, o episódio de estreia da série, que traz a bióloga mineira Luciana Maria Silva, cuja pesquisa resultou na invenção do primeiro exame para prognóstico de câncer de ovário, que tem ajudado mulheres a buscar tratamentos mais assertivos para este tipo de câncer que causa tantas mortes.

 

A série documental ELAS.LAB, assinada pelo Az.Mina, e com patrocínio do Grupo Fleury, e tem por objetivo desmitificar a profissão de cientista, especialmente para jovens garotas. A série conta também com um guia que pode ser usado por professoras e professores em sala de aula para trabalhar o conteúdo de cada um dos episódios. 

 

A primeira temporada de ELAS.LAB poderá ser vista gratuitamente no canal do instituto AzMina no Youtube:

https://www.youtube.com/channel/UCoyYnOCs_pr0oaXSitYi35g

 

 

 

 

 

 

ELAS.LAB foi produzida via Lei de Incentivo, com patrocínio do Grupo Fleury, e faz parte das ações do instituto AzMina, que é uma organização sem fins lucrativos, que luta pela igualdade de gênero. A partir do perfil dessas três mulheres, mostrando seus trabalhos como cientistas e a importância de suas pesquisas, os filmes também têm o objetivo de despertar a consciência e o desejo de mais meninas e mulheres ingressarem no campo das ciências – um ambiente no qual as vozes femininas foram, sistematicamente, silenciadas ao longo dos anos. Mas, conforme mostram os documentários, é um cenário que está mudando graças a mulheres que causam verdadeiras revoluções.  

 

A primeira temporada de ELAS.LAB pode ser visto gratuitamente no Youtube.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NICKELODEON ESTREIA SPYDERS

Formula E

Pode preparar a pipoca!