‘Alcione – O Samba é Primo do Jazz’ é destaque na faixa especial de documentários da GloboNews

GloboNews

O filme é uma produção da Globo Filmes em parceria com GloboNews, Canal Brasil e Documenta Filmes

"Não deixe o samba morrer, não deixe o samba acabar. O morro foi feito de samba, de samba pra gente sambar". É impossível ouvir esse hino e não se contagiar com seus versos: o pé bate no chão, a mão quer batucar, o corpo já se mexe. Gravado na década de 70 por Alcione, 'Não deixe o samba morrer' faz parte de um grandioso acervo cantado e tocado por uma das maiores vozes da música brasileira. Neste domingo, dia 26, a partir das 23h, a GloboNews exibe na sua faixa especial de documentários o filme 'Alcione – O Samba é Primo do Jazz', que mostra a trajetória de Alcione Dias Nazareth, a nossa 'Marrom', a partir de suas referências musicais, sua inserção no mundo da música e sua relação com família e amigos. A obra é uma produção da Globo Filmes em parceria com a GloboNews, Canal Brasil e Documenta Filmes. 
 
Com direção de Angela Zoe, a cinebiografia apresenta uma Alcione descontraída, divertida e matriarcal com a vida e o fazer artístico. Durante cerca de 70 minutos, o filme revela entrevistas emocionantes de pessoas próximas à Rainha do Samba e que a ajudaram a construir uma linda história profissional, como o maestro Alexandre Menezes e suas irmãs Ivone Dias, Maria Helena Nazareth - que acompanha a maranhense na banda como vocal - e Solange Nazareth, sua empresária. A produção foi selecionada para participar de grandes eventos cinematográficos nacionais e internacionais, como 48º Festival de Gramado; 24ª edição do Inffinito Film Festival; da 5º Santos Film Festival; e do 22º Festival Kinoarte de Cinema; e Festival Mulheres do Audiovisual 2021.
 
Desde 2014, a GloboNews já produziu mais de 70 documentários com a Globo Filmes, com o Canal Brasil e, mais recentemente, com o Globoplay. Títulos que mereceram indicações em vários festivais nacionais e internacionais e a prêmios como o Emmy Internacional (com o documentário 'Torre de David' em 2015, com 'Síria em Fuga' em 2016, 'Aliados' em 2020 e 'Cercados' em 2021). A lista inclui ainda renomadas produções como: 'Cidades Fantasmas', 'Libelu – Abaixo a Ditadura' e 'Cine Marrocos' – também vencedoras do Festival É Tudo Verdade –, e 'Marinheiro das Montanhas', único filme brasileiro selecionado para o Festival de Cannes de 2021.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto