Globo Repórter mostra os benefícios de uma dupla que faz parte da cultura brasileira: arroz e feijão

Globo Principal


Programa desta semana explora diversas receitas com esses dois grãos que têm lugar cativo nas mesas das famílias do país
Separados eles geram ótimas receitas, mas quando estão juntos são praticamente imbatíveis. Difícil saber quem foi o criador da mistura do arroz com o feijão, mas certamente este sujeito seria bem recepcionado na maioria das casas brasileiras. Uma combinação que, além de saudável e nutritiva, faz parte da identidade cultural do nosso povo. O 'Globo Repórter' desta sexta-feira, dia 24, mostra os benefícios para a saúde, receitas de preparo e as diversas formas de aproveitar uma dupla que é uma verdadeira paixão nacional.
 
O programa foi a diversas regiões do Brasil para ver como cada uma prepara o prato e conhecer de perto receitas como o arroz carreteiro, tutu de feijão, arroz com pequi e até o acarajé da Bahia, produzidas a partir destes dois ingredientes. A equipe foi até Goiás para mostrar o maior banco de sementes do país – e um dos maiores do mundo, na "Embrapa Arroz e Feijão". Um verdadeiro tesouro guardado a sete chaves em uma câmara fria e que garante o futuro dos grãos, com mais de 15 mil variedades de feijão e outras 30 mil de arroz, oriundas de várias partes do mundo. Também ouviu de pesquisadores todos os benefícios do consumo e a melhor forma de aproveitar os nutrientes, economizando na cozinha.  Os centros de pesquisa revelam ainda como o arroz e feijão se transformam em ingredientes secretos de bolos, doces, macarrão, hambúrgueres e até em biscoitos, como o "Brasileirinho". Desenvolvido em Campinas, pela equipe da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp, o biscoito possui uma combinação nutritiva de proteínas, lipídios, minerais, carboidratos, entre outras propriedades. 
 
Ainda na capital goiana, o repórter Fábio Castro conta como uma receita de família se transformou em fonte de renda. Durante a pandemia, a empreendedora Clébia Lima começou a fazer sucesso vendendo a "jantinha goiana", prato regional formado por arroz, feijão tropeiro, mandioca cozida, espetinho de carne e vinagrete. No Rio de Janeiro, a chef Regina Tchelly, sucesso na internet ensinando como evitar o desperdício, reaproveitando as sobras dos alimentos, mostra as receitas de um hamburguer feito com arroz dormido e de um rocambole de feijão. "Aproveitar alimento é coisa de gente inteligente", diz Regina. Em São Paulo, a repórter Isabela Assumpção apresenta a história de um grupo de moradores que, por conta da pandemia, resolveu colocar literalmente mais água no feijão e ajudar na alimentação de quase mil pessoas por mês. 
 
O 'Globo Repórter' vai ao ar na noite de sexta-feira, dia 24, logo após a novela 'Império'.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto