Globo anuncia estrutura para 2022

GLOBO


Em mais uma etapa da jornada de transformação da empresa, Erick Bretas agregará Produtos Digitais e Canais por Assinatura, Amauri Soares comandará a TV Globo e também suas Afiliadas e Pedro Garcia concentrará Aquisição de Direitos e Ciclo de Vida dos Conteúdos

Como desdobramento da substituição de Jorge Nóbrega por Paulo Marinho na presidência da Globo, divulgada no mês passado e programada para fevereiro do ano que vem, foi anunciada hoje uma evolução na estrutura da empresa para 2022. A diretoria de Canais da Globo, ocupada por Paulo Marinho desde 2020, concentrando todos os canais lineares e afiliadas, deixará de existir. Erick Bretas, atual diretor de Produtos e Serviços Digitais, área responsável pela gestão do Globoplay, passará a liderar também os Canais por Assinatura, Negócios Internacionais, a Globo Filmes e a VIU Hub (social media). Já Amauri Soares, hoje à frente da TV Globo, assumirá o comando também da rede de afiliadas. Pedro Garcia, diretor de Aquisição e Governança de Direitos, vai incorporar a área de Ciclo de Vida de Conteúdos, que cuida da circulação estratégica dos conteúdos entre as diferentes janelas e plataformas da empresa.

Já prevista, essa evolução do modelo organizacional, que passa a valer a partir de fevereiro do ano que vem, respalda a jornada de transformação digital da Globo, reforçando o valor da TV aberta e a consolidação da estratégia de relacionamento direto com o consumidor (D2C). Outros desdobramentos da estrutura anunciada hoje serão feitos ao longo do primeiro semestre de 2022.

Dessa forma, a partir de fevereiro, passarão a responder diretamente a Paulo Marinho e a compor o board dos Centros de Resultado da Globo, Amauri Soares, liderando a diretoria da TV Globo e Afiliadas, Erick Bretas, à frente de Produtos Digitais e Canais Pagos, e Manzar Feres, diretora de Negócios Integrados em Publicidade. Estarão ao lado de Ali Kamel, diretor de Jornalismo, Ricardo Waddington, diretor de Entretenimento, Renato Ribeiro, diretor de Esportes, Raymundo Barros, diretor de Estratégia e Tecnologia, e de Pedro Garcia, diretor de Aquisição e Governança de Direitos, no núcleo de Operações Core da Globo. Integram ainda o board da empresa, nas diretorias de Gestão Corporativa, Paulo Tonet, responsável pelas Relações Institucionais, Claudia Falcão, diretora de Recursos Humanos, Manuel Falcão, à frente de Marca e Comunicação, e Manuel Belmar, diretor de Finanças, Jurídico e Infraestrutura, que ficará responsável ainda pela articulação da agenda ESG na empresa.

Abaixo, comunicado interno divulgado hoje com o novo organograma da diretoria da Globo:

 

Interface gráfica do usuário, Texto    Descrição gerada automaticamente

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto