Documentário que revisita a trajetória do jornalista e escritor Antonio Callado é destaque na GloboNews neste domingo

GloboNews

'Callado' é uma produção da 70 Filmes, em coprodução com Globo Filmes, GloboNews, Canal Brasil e Sax Driver

Dando sequência à exibição de produções inéditas na sua faixa especial de documentários, a GloboNews exibe neste domingo, dia 22, às 23h, a produção 'Callado', que apresenta uma biografia-ensaio sobre o escritor e jornalista Antonio Callado. Com direção de Emilia Silveira, a obra lembra sua luta pela democracia, os compromissos com o Brasil e os fatos marcantes da vida do autor, eleito em 1994 para a cadeira 8 da Academia Brasileira de Letras. O documentário é uma produção da 70 Filmes, em coprodução com Globo Filmes, GloboNews, Canal Brasil e Sax Driver.
 
Antonio Callado colecionou importantes episódios históricos ao longo dos 60 anos dedicados ao trabalho, como a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e a Guerra do Vietnã (1955-1975), que cobriu pessoalmente. Além da brilhante carreira no jornalismo, Callado publicou 18 livros, como 'Quarup' (1967), uma biografia, nove peças de teatro e inúmeras artigos, reportagens e crônicas. Com o desafio de retratar para a tela o brilhantismo da palavra escrita, o filme se vale de grafismos e efeitos visuais para se aproximar da obra de um dos mais importantes escritores brasileiros no século XX, um mestre tanto da ficção como do jornalismo literário. Na produção, pessoas próximas a Antonio dão depoimentos emocionantes, como a jornalista Ana Arruda, viúva de Callado, a filha Tessy Callado, e, também, jornalistas e escritores, como Carlos Heitor Cony, Davi Arrigucci, Matinas Suzuki, Mauricio Stycer, Sérgio Augusto e Wilson Figueiredo.
 
Desde 2014, a GloboNews já produziu mais de 70 documentários com a Globo Filmes, com o Canal Brasil e, mais recentemente, com o Globoplay. Títulos que mereceram indicações em vários festivais nacionais e internacionais e a prêmios como o Emmy Internacional (com o documentário 'Torre de David' em 2015, com 'Síria em Fuga' em 2016 e com 'Aliados' em 2020). A lista inclui ainda renomadas produções como: 'Cidades Fantasmas', 'Libelu – Abaixo a Ditadura' e 'Cine Marrocos' – também vencedoras do Festival É Tudo Verdade –, e 'Marinheiro das Montanhas', único filme brasileiro selecionado para o Festival de Cannes de 2021.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Lifetime Movies: A História de Chris Porco resgata caso de filho que matou o pai e desfigurou a mãe

SexPrivé apresenta ‘ménage à trois ao vivo’ em feira virtual de negócios do mercado adulto