LOVE, VICTOR: A HISTÓRIA POR TRÁS DA SÉRIE DE SUCESSO EXCLUSIVA DO STAR+

https://lh4.googleusercontent.com/uWUQhtQIWhhnSaaZ4_rbkDFkkqg6KliF0jwgBeRd-DU8stWa6RDlbhbP45MhKp9pqATL6rylcyDXtHcQCbm0qv_zFv2IRlQbJA7yANjWWdQ5ADgz9SkRmlOK9C8Po6787G9pztTP

A reveladora e emotiva história que continua conquistando fãs em todo o mundo, volta com sua segunda temporada, para continuar descobrindo o mundo de victor

Temporadas 1 e 2 disponíveis exclusivamente no star+


O Star+ apresenta uma nova temporada de umas das histórias mais amadas pelo público: Love, Victor. A segunda temporada da comédia dramática original Star retoma as aventuras de Victor, um aluno do primeiro ano do ensino médio que acaba de descobrir sua sexualidade e enfrenta novos desafios sociais, amorosos e familiares que surgem após a revelação de sua orientação sexual. Mas Victor não estará sozinho nesta corajosa jornada de autodescoberta, pois ele terá a ajuda de um ex-aluno do colégio, que será seu guia e o ajudará a passar pelos altos e baixos do ensino médio.

A seguir, uma olhar sobre a história de Love, Victor, desde suas origens na história de Simon e sua inspiração, até a revelação de Victor:

NASCE UMA HISTÓRIA

O universo de Love, Victor surge de uma história que nos comove por sua honestidade, humor e emoção. Lançado nos cinemas em 2018, o filme Com Amor, Simon apresentou Simon Spier (Nick Robinson) ao mundo, um garoto de 16 anos que ainda sem declarar sua orientação sexual, começa a flertar secretamente por e-mails com outro colega do colégio que se autodenomina "Blue", que também não declarou sua sexualidade. Quando um de seus e-mails cai em mãos erradas, o segredo de Simon corre risco de se tornar público, e ele é chantageado por Martin, que acredita que com a ajuda de Simon, poderá conseguir um encontro com a linda Abby Suso (Alexandra Shipp). Se Simon não o ajudar, sua identidade sexual poderá ser revelada para o mundo e, pior ainda, a privacidade de "Blue" também poderá se tornar pública.

O desafio de revelar sua orientação sexual para sua família e amigos, somado à situação de chantagem de que é vítima, faz Simon embarcar em uma aventura única pelas turbulentas águas do ensino médio, uma que mudará sua vida para sempre.

Com Amor, Simon é uma adaptação do romance Simon vs. A Agenda Homo Sapiens da escritora e psicóloga Becky Albertalli. "Tenho trabalhado com muitos jovens que se identificam como LGBTQ, que são iconoclastas de gênero, e eles são, sem dúvida, algumas das pessoas mais corajosas que já conheci. Como psicóloga, sou extremamente cuidadosa em não pegar emprestadas as histórias dos meus pacientes para minhas obras de ficção, mas, em um sentido muito geral, sinto-me muito inspirada por todos os adolescentes que tive a sorte de conhecer e com os que tive a oportunidade de trabalhar", diz Albertalli. 

A verdade, a coragem, os segredos e a identidade são alguns dos temas explorados pelo filme, sob o prisma da vida de Simon e sua luta para que saibam sua orientação sexual. "Acredito que muitos adolescentes podem se identificar com esta luta, pois muitos deles estão em conflito para encontrar a si mesmos. Eles não sabem quem são, não têm ideia do que querem ser quando crescer, e não se trata apenas da sexualidade. É sobre ser quem você realmente é, não com quem você está dormindo, mas sim qual é seu lugar e seu papel neste planeta", comenta a atriz Alexandra Shipp.

 

BEM-VINDO A CREEKWOOD

Depois da profunda conexão que Com Amor, Simon teve com o público, em 2020 estreou a primeira temporada da série Love, Victor, inspirada no filme e ambientada no mesmo mundo. A série acompanha Victor (Michael Cimino), um novo aluno do Creekwood High School – colégio onde Simon Spier viveu seu romance vários anos antes e deixou sua marca -, em sua jornada de autoconhecimento enquanto enfrenta desafios em casa, adaptando-se a uma nova cidade e o conflito para revelar sua orientação sexual. Para lidar com tudo isto, Victor conta com a ajuda de Simon, que acompanha seus altos e baixos e também compartilha seus aprendizados, para fazê-lo perceber que para encontrar seu lugar no mundo e assumir sua sexualidade, ele precisa ser ele mesmo.

UM NOVO COMEÇO

No final da primeira temporada, depois de meses de conflito e conversas com Simon, Victor decide contar aos pais que é gay. Nos novos episódios, Victor começará a mostrar, com o apoio de seus amigos mais próximos, seu mais autêntico eu, embora nem sempre seja fácil, principalmente no colégio, ao mesmo tempo que dá os primeiros passos em seu relacionamento com Benji. Além disso, ele deve lidar com sua família que enfrenta dificuldades após sua revelação, uma ex-namorada com o coração partido e com as dificuldades de ser um atleta estrela abertamente gay.

Com Amor, Simon e as duas temporadas de Love, Victor já estão disponíveis no Star+.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fenômeno nas redes sociais, Maru Karv estreia como apresentadora no “Manda Nudes”

Pode preparar a pipoca!

Formula E