Luke Kirby e Elijah Wood estrelam ‘Ted Bundy: A Confissão Final’, que estreia hoje

 

 

Inspirado em gravações reais feitas com o serial killer durante a sua estadia no corredor da morte, filme está disponível nas plataformas para compra e aluguel

 

O thriller policial "Ted Bundy: A Confissão Final" (No Man of God), estrelado por Luke Kirby ("Marvelous Mrs. Maisel") e Elijah Wood ("Senhor dos Anéis"), chega ao Brasil hoje, 10 de junho, com distribuição da Synapse DistributionNesta produção inédita sobre os momentos finais de Ted Bundy, o longa acompanha a história real entre a complicada relação entre o serial killer (Kirby) e o agente do FBI, Bill Hagmaier (Wood). O filme está disponível na versão legendada para compra e aluguel nas plataformas digitais Claro tv+ (antigo Claro Now), iTunes/Apple, Google/YouTube e Vivo Play.

 

Após ser condenado à morte no ano de 1980, o assassino Ted Bundy concorda em revelar, pela primeira vez, os detalhes de seus chocantes crimes. O criminoso aceita falar apenas com Bill Hagmaier, um dos primeiros agentes do FBI a fazer o perfil de serial killers. Inspirada na história real dos anos em que estiveram juntos, o longa aborda os detalhes da relação complicada de amizade entre os dois, enquanto o agente mergulha na distorcida e sombria mente de Bundy.

 

A diretora Amber Sealey ("Sonhando Acordado") diz que esse filme de Ted Bundy é diferente de tudo o que já foi feito até agora: "A produção fala da luta de Bill para entender o que o torna diferente de Ted. Mostramos um Bundy de uma maneira não vista antes, com sua insegurança e carência", diz a cineasta. Ela ainda conta que as conversas entre os dois foram tiradas de gravações reais que o verdadeiro Bill Hagmaier fez.

 

Aleksa Palladino ("O Irlandês"), Robert Patrick ("Pacificador") e W. Earl Brown ("Hacks") são outros nomes que participam do elenco. O longa foi escrito por Kit Lesser e produzido por Bill Hagmaier.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

NICKELODEON ESTREIA SPYDERS

Formula E

Pode preparar a pipoca!